A SUAVE ARTE DA BENÇÃO

Cada pensamento que temos e cada ação que empreendemos, torna-se parte da energia coletiva do planeta.
Quando usamos a nossa energia para levar luz ao mundo, ela se associa à luz trazida por outros para dispersar a escuridão.
Abençoar significa desejar incondicionalmente e da mais profunda câmara do seu coração, um bem ilimitado para outros.
Abençoar é reconhecer a beleza onipresente e universal, oculta dos olhos materiais. 
É ativar a lei da atração, que à distância, alcança o universo.
Ao fazer da Suave Arte da Bênção a sua prática espiritual diária, você aprende a enviar pensamentos e sentimentos e a curar outros. 
Isto o capacitará a difundir uma atmosfera de bondade, paz e cura onde quer que você vá. A atrair mais bondade, alegria e amor para a sua própria vida e para as vidas daqueles que estão a sua volta. A abrir possibilidades de cura nos corações daqueles controlados pela ganância, pelo egoísmo e pelo medo. 
A experienciar um maior sentimento de Unidade com toda a vida. A enaltecer a vida e o crescimento de todos os reinos da natureza – humano, animal, plantas e mineral.
Abençoar é o meio perfeito de desenvolver uma consciência constantemente centrada no amor.
Cada dia é uma bênção, e a cada momento há muitas coisas pelas quais podemos ser gratos.
O mundo se abre para nós quando vivemos em um espaço de gratidão.
Quando abençoamos, quando pedimos à Deus, pedimos a partir da fonte de toda a bondade.
Nós podemos compartilhar nossas experiências e compreensão com os outros, não de um espaço de condescendência, mas de conexão.
Quando escolhemos constantemente ser gratos, nós notamos que cada respiração é um milagre e cada sorriso se torna uma dádiva.
Nós começamos a compreender que as dificuldades são também lições inestimáveis.
O sol está sempre brilhando para nós quando somos gratos, ainda que ele esteja oculto atrás das nuvens em um dia chuvoso.
Viva em um estado de gratidão. 
A bênção da gratidão nos permite propagar a abundância, porque esta é a energia que emana de nossos seres. Porque o mundo sempre reflete para nós o que incorporamos.
Bênçãos adicionais inevitavelmente fluem em nosso caminho. 
Elas nos dão até mais pelo que sermos gratos. 
O Universo nos quer enviar bênçãos em abundância.
Quanto mais apreciamos a vida, mais a vida nos aprecia e nos concede mais prosperidade.
Oferecer uma bênção não é uma tarefa difícil. Nossos dias estão cheios de oportunidades intermináveis para praticarmos a arte da bênção. Uma bênção pode ser tão simples que muito freqüentemente nós tomamos por certo o ato de abençoar. A própria vida trabalha através de nós.
As bênçãos, antigas ou modernas, é uma parte importante de nossa fé na vida. 
Uma bênção é a ponte entre o céu e a terra.
A transmissão do divino que ocorre quando abençoamos é verdadeiramente um momento sagrado. 
Nós somos os portadores dos sonhos e dos desejos que podem ter se originado em gerações anteriores.
Nunca deixe passar um dia, de alguma maneira, que não evoquemos a visão do bem.
A arte da abundância chama a atenção para as pequenas bênçãos: para aquilo que podemos fazer: descobrirmos as alegrias e os tesouros esquecidos da simples vida diária.
Possamos apreciar e nos lembrarmos da Esquecida Arte da Bênção.
Permita que o Amor flua em sua vida.
As Bênçãos são dons espirituais para compartilhar com outros. 
Que você possa ser abundantemente abençoado!

VIOLÊNCIA URBANA

É inegável que vivemos dias difíceis, a violência em toda sua plenitude tem envolvido grande parte da sociedade mundial.

No Brasil, a violência tem feito milhares de vítimas, em alguns casos esse ato é praticado pela própria família, além de inúmeros outros ocorridos nas ruas.

Ao observarmos o quadro atual da violência urbana, muitas vezes não nos atentamos para os fatores que conduziram a tal situação, no entanto, podemos exemplificar o crescimento urbano desordenado.

Em razão do acelerado processo de êxodo rural, as grandes cidades brasileiras absorveram um número de pessoas elevado, que não foi acompanhado pela infraestrutura urbana (emprego, moradia, saúde, educação, qualificação, entre outros); fato que desencadeou uma série de problemas sociais graves.

A violência urbana tem ocasionado a morte de milhares de jovens no Brasil, é o principal fator de mortandade dessa faixa etária.

A criminalidade não é um “privilégio” exclusivo dos grandes centros urbanos do país, entretanto o seu crescimento é largamente maior do que em cidades menores.

É nas grandes cidades brasileiras que se concentram os principais problemas sociais, como desemprego, desprovimento de serviços públicos assistenciais (postos de saúde, hospitais, escolas etc.), além da ineficiência da segurança pública.

Tais problemas são determinantes para o estabelecimento e proliferação da marginalidade e, consequentemente, da criminalidade que vem acompanhada pela violência.

Os bairros marginalizados das principais cidades brasileiras respondem por aproximadamente 35% da população nacional, nesses locais pelo menos a metade das mortes são provocadas por causas violentas, como agressões e homicídios. Isso é explicado quando nos deparamos com dados de São Paulo e do Rio de Janeiro, onde 21% de todas as mortes são provenientes de atos violentos.

Essa situação retrata a ineficiência do Estado, que não tem disponibilizado um serviço de segurança pública eficaz à sua população. Enquanto o poder do Estado não se impõe, o crime organizado se institui como um poder paralelo, que estabelece regras de ética e conduta própria, além de implantar fronteiras para a atuação de determinada facção criminosa.

Algumas cidades do país apresentam um percentual de mortandade proveniente de atos de violência que equivale aos do Iraque, país em guerra.

O Brasil responde por 10% de todos os homicídios praticados no mundo, segundo dados de um estudo realizado a pedido do governo suíço, divulgado no ano de 2008, em Genebra.

A BENÇÃO DOS ALIMENTOS


Abençoar o alimento antes das refeições é um gesto cada vez mais raro hoje em dia.

Algumas famílias têm o hábito de pedir a bênção sobre o alimento e agradecer a Deus pela mesa farta. Este gesto em família é uma ótima educação para as crianças, que passam a orar junto com a família desde bem pequenas, e com isso entendem que Deus é o grande provedor.

A bênção dos alimentos adiciona energias positivas ao alimento e consome com as energias ruins que lá estejam. Só para dar um exemplo: uma moça que ao trabalhar a massa de um pão, esteja com ódio de seu namorado, por exemplo, pode carregar a energia do pão com seu ódio e isto, com certeza, afetará quem comer deste pão.

Sabemos de histórias de pessoas que, na época da II guerra mundial, não tinham mais do que poucos vegetais para comer e em suas orações pediam a Deus que qualificasse os vegetais com todos os nutrientes que precisavam para viver, e assim, no final da guerra, estavam inexplicavelmente fortes e saudáveis, enquanto que outros na mesma situação, não tiveram a mesma sorte, estando altamente debilitados.

Precisamos não só pedir a bênção e qualificação do alimento, como também, agradecer por ele. Muita gente apenas agradece, e outros apenas pedem a bênção.
Uma coisa não substitui a outra. Só o agradecimento dá o fluir entre as partes, assim poderemos multiplicar tudo o que agradecemos.

Para manter a sua mesa farta, agradeça sempre, pois com isto estará confirmando que a Deus tudo pertence.

Jesus Mudra


Este é um mudra feito com os dedos atuantes do fogo, do ar e do céu, representantes dos 3º, 4º e 5º raios secretos. É o verdadeiro mudra da bênção do milagre da intercessão divina. É uma poderosa maneira de fazermos a ponte da energia da bênção divina, para a bênção dos alimentos. As bênçãos são sempre invocadas para fazer o bem. Invocamos a intercessão divina da Luz para fluir através de nossas mãos curando, iluminando, purificando, libertando, energizando e harmonizando.

O importante, ao abençoar em nome de Deus, é fazê-lo em completo sentimento de entrega e compaixão, desprendimento e boa vontade. Quando se pede a Deus que abençoe a algo ou a alguém, devemos ser o instrumento puro e decidido a apenas fazermos o bem e sermos úteis.

Colocamos o nosso corpo servindo como condutor da energia divina para manifestar a vontade de Deus, fazendo o bem ao próximo. Só a invocação não é o suficiente, o que realmente potencializa a bênção é o mudra e o invocar do Cristo para atuar, potencializando os raios através de nossas mãos, na hora da bênção. Este é o ensinamento dos 5 raios secretos, que você também poderá encontrar em nossa apostila de mudras.

O mudra acima pode ser feito com a seguinte invocação: Amado Santo Cristo Eterno, agradeço por este alimento e invoco Sua Presença eletrônica em meu coração, atuando para a bênção deste alimento. Peço que atue agora através de meu ser, utilizando minhas mãos e meu coração para a purificação e a energização deste alimento.

Entoe o OM enquanto visualiza a luz fluindo de sua mão.

Como fazer o mudra da bênção de Jesus:
 

Com a mão direita, estique os dedos polegar, indicador e médio, curvando-os levemente para a frente, mantendo os dedos anular e mínimo recolhidos. Os dedos atuantes, neste mudra da magia e da alquimia da transformação, são os dedos do fogo (o polegar), do ar (o indicador) e o do éter, (o médio).

Em caso de pequenos alimentos, como um pão ou copo com líquido, coloque a mão esquerda sob o alimento a ser abençoado e sinta a energia fluir de Deus, através do Cristo em seu chakra do coração, para a sua mão direita, fluindo através de seu braço, saindo pela palma e dedos, polegar, indicador e do meio da mão direita para abençoar.

A mão esquerda atua como polaridade negativa, dando o equilíbrio necessário para o perfeito fluir da energia. Quando o alimento for uma mesa completa, a mão esquerda fica com os dedos polegar, indicador e do meio esticados, e com a mão em forma de concha, sobreposta ao chakra do coração. Sinta a energia fluir de Deus, através do Cristo em seu chakra do coração, para a sua mão esquerda, fluindo através de seu braço esquerdo até o braço direito, saindo pela palma da mão e os dedos polegar, indicador e do meio da mão direita para abençoar toda a refeição.

Uma outra maneira de criar a polaridade entre as mãos, principalmente ao abençoar um prato de comida, o que é o mais comum em nossos dias de hoje, é o seguinte: Antes de pegar o garfo e a faca para comer, coloque o prato na mesa e descanse suas mãos à direita e à esquerda do prato, com as palmas viradas para o prato.

Esta é uma ótima maneira de abençoar seu alimento sem despertar a curiosidade de outras pessoas, principalmente quando nos alimentamos em restaurantes. Com as mãos posicionadas, murmure a oração para que haja a manifestação. Para manifestar sua bênção, há a necessidade de sair sua expressão labial. Lembre-se de que Deus fez o mundo com a palavra e não com o pensamento.



EXEMPLOS DE BÊNÇÃOS DO ALIMENTO:

Uma bênção Católica para Abençoar o Alimento :
Abençoa Senhor este alimento para que possa ser um remédio eficiente e saudável para a humanidade. Em Vosso nome e propósito, conceda que todos que partilhem deste alimento possam obter a saúde do corpo e a segurança da alma. Por Cristo nosso Senhor. Amém.
Uma bênção budista para a hora do almoço:
Este alimento é uma bênção do universo,
Eu sou agradecido em recebê-lo.
Possa este alimento dar-me a força,