VOCÊ ESTÁ SOFRENDO DE MRA? (Movimento Rápido de Ascensão)

Você está sofrendo de MRA (Movimento Rápido da Ascensão) ?

Você está se sentindo triste, confuso, experimentando dores no corpo ou dores inexplicáveis, desorientação, perda de noção de tempo, perda de memória, mudança repentina de carreira ou de relacionamento, mais alienados do que nunca do mundo, excessivamente apático, perdido, sensibilidade elevada aos alimentos, medicamentos, ou suplementos, ondas de emoção inexplicáveis, sonhos estranhos, ataque de crises de depressão, realidades alternativas sentindo-se como se estivesse em vários lugares ao mesmo tempo ? 

Se assim for, você não está sozinho, você provavelmente está experimentando mudanças no DNA como nós (toda a criação) está mudando para uma consciência mais elevada, tanto física como psicologicamente.

Você não está sozinho

A maioria das pessoas está enfrentando esses sintomas MRA em algum grau, muito poucos parecem está deslizando suavemente na ascensão da Mãe Terra para a 4ª e 5ª dimensão com facilidade e alegria.
Alguns passam estes sintomas fisiológicos ou psicológicos na natureza

Isso nem sempre é possível pois tudo está fisicamente em ascensão, você ainda não tem certeza sobre a verdade desta afirmação ?

Por favor, faça sua lição de casa pesquisando o assunto em bibliotecas e na internet, isso facilita quando perguntar às pessoas que sabem sobre o assunto, mantenha um nível de equilíbrio interior trabalhando consigo mesmo nos problemas e na dor, ofereça ao corpo massagens semanais e o carinho da cura, seja gentil consigo mesmo, perdoe a si mesmo e aos outros, coma alimentação saudável e de forma inteligente, todas essas coisas vão ajudar a nos aliviar neste tempo de transição.

Conforme algumas coisas ficam mais claras outras ficam mais escuras

Com certeza muitas pessoas estão comunicando seus medos mais íntimos durante esta ascensão à medida que caminhamos através destas energias planetárias surpreendentes, presenteando-nos com oportunidades incríveis para uma maior consciência e conhecimento sobre o qual estamos tomando conhecimento de toda a nossa divindade, temos a chance de bom grado e voluntariamente de amar a nós mesmos mais plenamente do que nunca.
Tente não dar um tapa na atadura de sua dor interna

Muitos de nós já experimentamos a falta de amor na vida: a falta de amor que deve ter sentida como o amor de mãe, ou como o alimento no nível mais profundo da alma, em vez disso, alguns têm experimentado julgamento severo e acusações da família e dos entes queridos, alguns têm experimentado negligência e abandono em muitos níveis, incluindo o que eu chamo de “sangrar através do passado/vidas paralelas/futuras”, chegou ao meu conhecimento que há uma abundância de pessoas (mulheres principalmente) que não conseguem entender por que as coisas acontecem para elas, porque suas vidas foram preenchidas com escolhas erradas, com medo e manipulação, eu era uma dessas mulheres e tive que aprender que não era uma vítima das circunstâncias.
Há buracos no interior profundo de nossos corações implorando para ser preenchido com amor
Muitas vezes, buscamos uma forma de preencher esse buraco ou espaço vazio através do casamento, do relacionamento com amigos, do trabalho voluntário, da posse de um animal de estimação, da carreira, de viagens, de grandes farras de gastos, de comida em excesso e vícios de todos os tipos, enquanto alguns deles são maravilhosas maneiras de experimentar o amor, pode não ser o que nós realmente estamos necessitando para a cura, todos eles parecem preencher esse vazio por um tempo mas sempre voltamos para o profundo vazio em nossos corações e descobrimos a falsidade da nossa recente incursão pela vida, nós aprendemos a ver a verdade por trás da máscara de nossas vidas entendendo que não houve preenchimento desse espaço, o que pode nos mergulhar cada vez mais fundo no desespero e na solidão.
O que podemos fazer para remediar isto dentro de nós ? Podemos dar uma boa olhada no que está acontecendo durante este período de ascensão e obter algumas pistas que nos ajudam muito no nosso caminho para o amor próprio.
Presentes do “Fim dos Tempos”

Desta vez a ascensão da Mãe Terra/Gaia está repleta de grandes presentes, eles são planetários, energias estelares bombardeando tudo multidimensional (incluindo o nosso mundo tridimensional chamado planeta Terra) nos fornecendo novos poderes recém-descobertos, dons e talentos que nunca soubemos que tínhamos, estamos agora experimentando o amor de nossos irmãos e irmãs dos reinos: animal, vegetal, mineral, de nossa Mãe Terra, os reinos de Devas e os Arcanjos: Miguel, Gabriel, Ariel, Jophiel e Rafael, assim como muitas outras forças de energias divinas, amorosas à espera de todos nós ajudando-nos com seu amor incondicional.
Nós também estamos aprendendo os incríveis dons do amor que Jesus tem para nos oferecer, sua experiência como Consciência Crística na Terra há cerca de 2000 anos nos ensinou a amar a nós mesmos, ele disse uma vez que devemos amar ao nosso próximo como a nós mesmos, quando ele disse que gostaria que compreendêssemos o quão importante é nos amarmos plenamente para só então podermos entender a profundidade e a amplitude do amor pelo nosso irmão, a fim de alcançar o mundo é preciso primeiro acessar o nosso interior, alcançar nosso coração explorando, analisando e experimentando.
Outro presente desta ascensão é a oportunidade de deixar finalmente todo o nosso carma de vidas passadas para trás, ficarmos em paz, tendo a oportunidade de voar diante da liberdade, totalmente livres, como é reconfortante saber que não temos mais a necessidade dos velhos padrões e sistemas de crenças que trouxemos até esta vida.
Há também agora uma maior abertura da consciência adquirida por muitas pessoas, elas estão abertas a outras opções espirituais percebendo grandes presentes de muitas religiões do mundo, sejam elas o cristianismo, o budismo, Zen, Tao, zoroastrismo, etc, o que importa é que há um grão de verdade em todas as coisas e cabe a nós descobrir quem somos e o que desejamos experimentar em nossa vida… E depois nos darmos à honra de sair e vivê-la plenamente.
Nós somos criações divinas do Criador, nós somos feitos à semelhança de nosso Pai/Mãe Deus/Deusa, o que isso significa para você e para mim ?
Espelho Espelho

Significa que podemos olhar no espelho e nos vermos como realmente somos, quando você olha em um espelho o que você vê ? Espelho, espelho na parede ? Quem é a mais bela de todas ? Lembre-se caro leitor, há um grão de verdade em todas as coisas… Mesmo em contos de fadas, especialmente em nossos contos de fadas.
Tenha em mente que você é uma verdadeira divindade em ação ! Sempre que realizo uma sessão de aconselhamento espiritual com alguém eu toco em seu Eu superior (presença EU SOU) e vejo como ele realmente é, o seu nível mais elevado de ser, toda vez eu fico admirada com a majestade gloriosa que eles são, cada um de nós é uma expressão perfeita do amor encarnado do Criador, estamos caminhando, conversando milagres de amor.
Sempre que você sentir tristeza ou mágoa ou sentir como se o mundo inteiro estivesse desmoronando em torno de você, basta ter um ou dois minutos para olhar em um espelho, olhe profundamente em seus olhos as janelas de sua alma e reflita sobre o seu reflexo lá em pé diante de você, veja e admire sua magnificência !
“Despertem queridos amigos, saiam deste sonho e percebam que é seu dever e responsabilidade como ser humano imaginar e visualizar um mundo seguro, como você decretar para sua própria experiência, assim será refletido” As Plêiades – Barbara Marciniak
Nunca somos vítimas da nossa realidade

Somos voluntários aqui e quando sentimos a opressão específica de alguém percebemos que eles estão nos incluindo na sua realidade e que os afetamos em um nível profundo, às vezes nós provocamos uma resposta negativa forte de um membro da família ou de outra pessoa que parece como se eles estivessem nos julgando ou nos odiando por algo “que fizemos”, Porque no fundo dentro deles estamos refletindo de volta para eles uma dor deles mesmos, é incrível mas realmente é assim, querido leitor perceba a honra que você tem apenas por estar na vida de outras pessoas, elas tem a necessidade de chamar-lhe em suas vidas para uma bela experiência de cura.
Esta poderosa lição também se aplica a você pois quando está com dor, você têm um lugar no seu interior que diz: “Ei, isso me dói”, então pergunte a si mesmo por que ?

Vá para o seu espaço do coração e coloque a dor para fora, todas as respostas estão dentro de você e também o amor que você procura tão intensamente, estes familiares e amigos que “nos causam tristeza, agonia e dor” estão na verdade aqui para nos ajudar a nos curarmos.


Use a sabedoria médica do nosso querido irmão, coiote

Coiote o tolo/malandro (também é o tolo no Tarô), ri na cara da adversidade, da dor e da tristeza, seja como uma criança em sua inocência e pureza, aprenda a discernir de modo a não dar a sua energia ou poder para alguém que pode usá-lo contra você, trace suas fronteiras com a ferramenta de discernimento, mas faça por amor, não contra alguém mas para si mesmo, para o seu amor próprio e honra.
Durante este tempo poderoso neste processo de ascensão estamos olhando profundamente para o nosso interior e encontrando o amor do Criador lá, a fim de nos equilibrarmos e sermos UM com o universo devemos continuar carregando um coração amoroso de perdão e compartilhá-lo com os nossos irmãos e irmãs, temos de entrar em nosso divino Adam Kadmon superior do corpo de luz ou nos deixarmos fundir com o nosso corpo físico (que é sobre tudo o que é esta ascensão), para fazer isso devemos purificar nossos templos (corpo/mente/espírito) de ponta a ponta.
Reivindique sua própria divindade, caminhe com o amor incondicional e mantenha seu coração aberto para o amor, para o mundo refletir o que e quem você é em todos os momentos, permita que os dons de Wakan Tanka/Shekinah/Espírito Santo/Ba (pomba do Egito), traga a chama violeta da transmutação e transforme velhos sistemas de crenças e padrões para o amor incondicional e luz, nestes tempos de ascensão seja o fluxo, o Criador através e em você é o caminho, a verdade e a luz !
A Serviço Divino

Deidre Madsen
Fonte: http://www.wakingtimes.com/

http://despertardegaia.blogspot.com/

EXERCÍCIO PARA O CHAKRA UNIFICADO

O exercício do Chakra Unificado nos fora enviado pelo Arcanjo Ariel e a Mãe Kuan Yin da Misericórdia Divina, uma informação valiosa para o nosso processo ascensional. 

Trabalhar com Chakra Unificado é o que de mais vital pode fazer, pois esta técnica reflete conscientemente na alteração e ativação do DNA Sagrado. Tradicionalmente, os chacras tinham forma cônica e estavam localizados em sete pontos do campo do corpo físico; eram os meios através dos quais os vários campos humanos trocavam energia. 

No entanto, os chacras estão a deixar de serem cones separados para se tornarem num Chakra Unificado, localizado no coração. 

Isto é fundamental porque permite o alinhamento dos corpos físico, emocional, mental e espiritual, e a harmonização das suas energias.

Quando a espécie humana, enquanto ESPÍRITO estava ainda na fase de densificação energética criou o sistema principal de chacras, e com isso levantou uma barreira de energia para separar o coração – o quarto chakra – dos outros centros energéticos. Isto era necessário para assegurar que o jogo do karma funcionasse eficientemente. 


Desta forma, os três chacras inferiores poderiam atuar como rodas soltas, dado que o efeito moderador do chacra do coração sobre eles se tornara mínimo ou nulo. Desta forma, o chakra do coração não interferia na interação entre os campos da energia básica. 

Como resultado, as principais respostas às situações da vida estavam fadadas, necessariamente, ao desequilíbrio e à desarmonia: o sexto chakra fornecia respostas intelectuais, o quinto chakra proporcionava formas de comunicação vazias e cheias de julgamento, (o quarto chakra, por princípio, não interferia), o terceiro chakra incentivava as respostas do eu – ego baseadas no poder, o segundo chakra induzia impulsos sexuais descompassados, o primeiro chakra convidava a um comportamento baseado na sobrevivência e no medo.

Evidentemente, estas respostas eram perfeitas para gerar karma, dado que as soluções mais equilibradas do quarto chakra, baseadas no amor e na compaixão, estavam inacessíveis. 


Agora, porém, ao trabalhares com o Chakra Unificado, reúnes os chakras mais elevados (acima da cabeça) com os sete tradicionais, conseguindo que todos passem a funcionar de acordo com a frequência da energia que flui através do chacra do coração. 

Isto também significa que os três campos mais densos podem ser alinhados, trocar energia e ressoar entre si, tendo o amor como a componente principal dessas interações. Assim, finalmente, todos os três campos se podem alinhar num só campo unificado porque encontraram uma gama de frequências do amor – a qual todos podem absorver. 

Desta forma, o Chakra Unificado elimina completamente o processamento emocional a que está tão habituado, permitindo um alinhamento rápido e fácil dos corpos e a unificação dos campos de energia.

Outra grande vantagem da utilização do Chakra Unificado é que poderá trazer muito mais energia para o teu campo unificado


Estava acostumado a usar os sete chacras separados para canalizar e absorver energia para o interior dos campos, também separados; digamos que, de alguma forma, dava um aspecto intelectual ou de poder à energia assim canalizada. Agora, porém, poderá integrar um espectro energético muito mais amplo, especialmente o que é fundamentado no amor, cuja frequência é mais elevada.

Realizando o exercício do Chakra Unificado estaremos atuando através do CARDÍACO, a energia do amor incondicional, do não julgamento. 


E todas os bloqueios e pontos de resistência serão automaticamente eliminados. Todo Poder, Sabedoria e Amor estarão sendo reativados e incorporados a cada célula do corpo físico fazendo com que a memória celular recupere a lembrança natural de quem você é na realidade. Um Ser Divino.

Agora, porém, com o Chakra Unificado, surge um padrão completamente novo: responderás com o teu ser completo, incluindo o ESPÍRITO, de tal forma que poderá agregar uma poderosa dose de amor ao teu espectro energético. 


Ao nível do eu – ego, pode continuar a fazer como fazia antes; só que, agora, os campos das outras pessoas passarão a receber de ti energia de amor… Embora, no início, isso as possa deixar um pouco confundidas por não estarem habituadas!

Portanto, como dispões da energia de amor nos teus campos, continuarás a sentir a compaixão dela dentro de ti… 


Mesmo se alguém te atacar! 

Recomenda-se a unificação dos chacras várias vezes ao dia. 

Com um pouco de prática, serás capaz de decretar para ti mesmo: unifiquem-se! e, instantaneamente, converterá todos os chakras em um só, unificado.

O Chakra Unificado, porém, permite a articulação completa de todos os aspectos do ser. As tuas respostas passam a proceder integralmente do eu – espírito, o que significa que passará a estar ativo… em vez de reativo, a viver ancorado no amor e não no medo. Lembre-se que o ancoramento atualmente não deveria mais ser feito pelo chakra raiz (básico), mas sim pelo chakra Ômega.

Unificar-se até o décimo chakra é em geral suficiente, mas ocasionalmente você poderia desejar unificar-se até o décimo – segundo e convidar nosso Eu – Crístico a seus campos energéticos – ou ir até mais além, convidando a presença da Fonte.

Preste atenção particularmente à abertura dos seus chakras Alfa (uns 24 cm acima da cabeça) e Ômega (uns 24 cm abaixo da coluna vertebral), que te liga à consciência planetária. Os chakras oitavo a décimo – quarto ficam cada vez mais altos, em sequência, acima da cabeça e do chakra Alfa.
Assim, a ligação à terra que realizavas através do chacra raiz, deve passar a ser feita, através do chakra ômega; por sua vez, o chakra alfa, a cerca de 24 cm acima da cabeça, favorece o contato com o teu Corpo de Luz da 5ª dimensão. 


Assim, o teu Chakra Unificado passará a ser uma esfera de luz dourada, de 6 a 15 metros de diâmetro, a qual será o centro do teu campo unificado que poderá vir a atingir vários quilômetros de diâmetro.

Esteja numa posição confortável, respirando profundamente, absorvendo Luz para dentro do chakra do coração. Em cada expiração, visualiza o chakra do coração a, como se fosse uma esfera. À medida que inspiras e expiras, expande-os sucessivamente, os pares de chakras.

Veja o modelo abaixo no item nº 3.2 e 3.3 da Invocação do Chakra Unificado como deve proceder. É só seguir cada etapa para unificar cada chakra ao coração.

INVOCAÇÃO DO CHAKRA UNIFICADO



Inspiro luz pelo centro do meu coração abrindo meu coração como uma formosa esfera de Luz, e permitindo-me expandir-me.



Inspiro luz pelo centro do meu coração, permitindo que a Luz se expanda envolvendo meu chakra laríngeo e meu plexo solar em um só campo unificado de Luz, dentro, através e ao redor de meu corpo.



Inspiro luz pelo centro de meu coração, permitindo que a Luz se expanda envolvendo meu chakra frontal e meu chakra sacro em um campo unificado de Luz, dentro, através e ao redor de meu corpo.



Inspiro luz pelo centro de meu coração, permitindo que a Luz se expanda envolvendo meu chakra coronário e meu chakra raiz em um campo unificado de Luz, dentro, através e ao redor de meu corpo.



Inspiro luz pelo centro de meu coração, permitindo que a Luz se expanda envolvendo meu chakra Alfa e meu chakra Ômega em um campo unificado de Luz, dentro, através e ao redor de meu corpo. Permito que a Onda de Metatron ressoe entre eles. EU SOU uma unidade com a Luz.



Inspiro luz pelo centro de meu coração, permitindo que a Luz se expanda envolvendo meu oitavo chakra e a parte superior de minhas coxas em um campo unificado de Luz, dentro, através e ao redor de meu corpo. Permito que meu Corpo Emocional se funda com meu corpo físico. EU SOU uma unidade com a Luz.



Inspiro luz pelo centro de meu coração, permitindo que a Luz se expanda envolvendo meu nono chakra e a parte inferior de minhas coxas em um campo unificado de Luz, dentro, através e ao redor de meu corpo. Permito que meu Corpo Mental se funda com meu corpo físico. EU SOU uma unidade com a Luz.



Inspiro luz pelo centro de meu coração, permitindo que a Luz se expanda envolvendo meu décimo chakra e meus joelhos em um campo unificado de Luz, dentro, através e ao redor de meu corpo. Permito que meu Corpo Espiritual se funda com meu corpo físico. EU SOU uma unidade com a Luz.



Inspiro luz pelo centro de meu coração, permitindo que a Luz se expanda envolvendo meu décimo – primeiro chakra e a região abaixo dos joelhos em um campo unificado de Luz, dentro, através e ao redor de meu corpo. Permito que nossa Alma Suprema se funda com o campo unificado. EU SOU uma unidade com a Luz.



Inspiro luz pelo centro de meu coração, permitindo que a Luz se expanda envolvendo meu décimo – segundo chakra e a região inferior de minhas pernas em um campo     unificado de Luz, dentro, através e ao redor de meu corpo. Permito que a Alma Suprema Crística se funda com o campo unificado.   EU SOU uma unidade com a Luz.



Inspiro luz pelo centro de meu coração, permitindo que a Luz se expanda envolvendo meu décimo – terceiro chakra e meus pés em um campo unificado de Luz, dentro, através e ao redor de meu corpo. Permito que a Alma Suprema do EU SOU se funda com o campo unificado. EU SOU uma unidade com a Luz.



Inspiro luz pelo centro de meu coração, permitindo que a Luz se expanda envolvendo meu décimo – quarto chakra e o espaço abaixo de meus pés em um campo unificado de Luz, dentro, através e ao redor de meu corpo. Permito que a Presença da Fonte flua pelo campo unificado.  EU SOU uma unidade com a Luz.

Inspiro Luz pelo centro de meu coração. Peço que o mais elevado nível de meu Espírito continue sempre irradiando a partir do centro de meu coração, preenchendo completamente o campo unificado. Continuo irradiando Luz através deste dia. EU SOU uma unidade com o Espírito.
Tonny Stubbs
Fonte:  http://www.curaeascensao.com.br/


O QUE É CORPO DE LUZ – Parte 1

Do Livro: O que é o Corpo de Luz? 


Mensagem do Arcanjo Ariel
Canalizada por Tashira Tachi-ren
Ed. Pensamento

 PARTE 1
Dedicatória

Este livro é dedicado aos Obreiros da Luz que seguem o Espírito a cada sopro de ar que inspiram e a cada passo que dão; àqueles que se dedicam a personificar a Divindade e a viver o Paraíso na Terra; que se dedicam a servir com alegria, coragem e dedicação ao jogo cósmico; e que se entregam a uma visão descomplicada, bela e extasiante da ascensão planetária, que é sobretudo altamente prazerosa. 
Prefácio do Canalizador : Peço para que vocês encarem tudo o que lerem nestas páginas como um modelo e simplesmente como mais uma opinião. É impossível expressar a Verdade (com V maiúsculo) em qualquer língua terrena.
O que existe é um fluxo constante do qual participam realidades individuais interligadas, sendo cada uma delas absolutamente única. Eu opto por viver numa realidade em que o planeta Terra está ascendendo para dimensões de Luz através da Alegria e do Bom humor. 
É preciso que vocês saibam também que nenhum canalizador é 100% exato. Afinal, todas as informações chegam através do filtro das percepções humanas.

Portanto, se algo nestas páginas lhes soar como verdadeiro é porque já era a Verdade de vocês.

Se isso não acontecer, enviem-no de volta para o universo. Trata-se apenas de mais uma opinião. 

Eu e a minha equipe de trabalho solicitamos a vocês que não façam de mim, de Ariel ou de qualquer outra entidade canalizada uma autoridade fora de vocês. Vocês são as únicas autoridades que podem decidir o que é ‘’real e verdadeiro’’ nas suas vidas particulares. 
Existem 383 planetas em ascensão, em cinco universos locais; um deles é o planeta Terra. Como Obreiros da Luz, vocês provavelmente estão encarnados em todos eles. A Angelic Outreach, em toda a sua abrangência, é um programa multidimensional e multiuniversal de fusão total com a Fonte.

Ao longo de todas as nossas encarnações, atuamos como tecido que une os universos, estrelas e planetas, ajudamos a coordenar os vários programas de ascensão planetária em cada universo e cooperamos com a fusão de vários universos em um único.

Ela funciona como uma ponte entre todas as Criações, ligando os Múltiplos à Unidade. Sou um canalizador conscientemente receptivo aos seres de Luz Superior. Expando minha consciência multidimensionalmente e fundo-me com a amplidão do meu próprio Espírito.

A partir disso, ligo-me a minha equipe de trabalho constituída de 24 Seres de Luz, e todos nós transmitimos informações através do meu corpo físico.

Como vocês podem imaginar, esta é uma experiência extraordinária. Minha relação com ‘’A Tripulação’’ – nome pelo qual chamo minha equipe de trabalho – é de igual para igual. Somos Mestres co-criadores, seres de Luz, e consideramos que vocês também são Mestres de Luz. 

Nessa tripulação, o Arcanjo Ariel atua como um Corpo de Luz teorizador. Ele formula o processo do Corpo de Luz, criando modelos, tecnologias e meditações que dão suporte para a ascensão em todos os níveis.

Na qualidade de um desses aspectos personificados da tripulação, sirvo como canal para as energias do grupo e como técnico ‘’perito’’ no Corpo de Luz. Assim, o modelo de O Que é o Corpo de Luz? Aqui apresentado é ‘’criação’’ de Ariel e acho que ele se saiu muito bem.

As fusões de paralelos são com frequência muito perturbadoras – muita vertigem, tremores, lampejos de visão e sensações de descontinuidade. Com base no conhecimento de que as fusões de paralelos ocorridas em meados de outubro de 1994 iriam alterar os níveis do Corpo de Luz das pessoas e que essas fusões poderiam ser tão fortes a ponto de arrebentar a bolha, foi realizado um experimento.

Estimulamos as complexas ondas das estruturas subatômicas para que recebessem as ondas de uma dimensão superior. Isso levou os movimentos das ondas subatômicas em paralelos separados a entrar em sintonia com padrões controláveis de interferência.

O resultado foi um leve aumento na Luz manifesta e uma pequena supressão das descontinuidades abrasivas. A bolha holográfica não se desestabilizou, na verdade se fortaleceu. 

Isso quer dizer que o colapso final será muito mais brando. Sincronizaremos as ondas complexas desta realidade com as ondas do plano astral mais elevado e depois com as das dimensões superiores. As transições dimensionais terão menos impacto e serão consideradas, na maioria das vezes, como experiências oníricas. Não obstante, achamos que todos perceberão a mudança. 
Em meados de outubro, sem o dramatismo usual, a maioria dos Obreiros da Luz passou para o Corpo de Luz de décimo nível e a totalidade da população passou para o oitavo nível. Muitos de vocês (inclusive Tachi-ren) reclamaram da ausência de fogos de artifício por ocasião dessa mudança.

Nós também queremos que as pessoas percebam o que está ocorrendo. Apesar de termos como principal interesse não desestabilizar prematuramente a bolha, procuraremos tornar a experiência mais forte nas fusões futuras. 

Como o Espírito está lhes colocando numa nova posição com respeito à ascensão, muitos estão sentindo que concluíram sua missão neste plano. Deixem que os velhos modelos e fórmulas se desprendam livremente. 
Um novo padrão está em desenvolvimento. Vocês talvez sintam que têm mais facilidade para se expressar ou que precisam ser mais criativos.

Existem duas canções viajando pelas ondas sonoras, que resumem o que a maioria das pessoas está sentindo: ‘’Tudo o que eu quero é me divertir um pouco, e acho que não sou o único’’ e ‘’Comece agora – não espere até amanhã!’’ 

A que espécie de peixe vocês pertencem? À que se ocupa em combater o ‘’inimigo’’? Empunharam a espada de Luz e estão em nome da justiça combatendo os planos secretos do governo, as forças obscuras e ocultas? É essa realmente a visão que vocês têm do Paraíso na Terra? Estão preocupados com a possibilidade de os extraterrestres dominarem o planeta? 

Vocês concordam com as visões da realidade segundo as quais os seres humanos são vítimas incautas ou uma simples fonte colonizada de recursos alimentares? Como essa visão se coaduna com a idéia de que toda pessoa é um mestre, amplo e multidimensional? 

Terão vocês substituído a ligação com o próprio Espírito por uma ligação com algum guru, mestre ascensionado ou entidade canalizada? O universo inteiro se reorganizará para acomodar as visões que vocês têm da realidade. 

O que vocês querem – realmente?

O Espírito de vocês está mudando de postura com respeito à ascensão. Deixem que a graça da transfiguração inunde a alma de vocês.

Sigam seu próprio Espírito querido, a cada lufada de ar que inspiram e a cada passo que dão. Vivam o Paraíso.

Introdução do Arcanjo Ariel 
Quando olhamos para vocês, os vemos como seres grandiosos e multidimensionais. Existe apenas um pedacinho de vocês nesse corpo, mas ele acha que é esse todo. Alguns de vocês estão começando a pressentir que isso é verdade. Nós observamos vocês em todas as dimensões, na grandiosidade que vocês são. 
A nosso ver, pela simples razão de estarem lendo este livro, vocês são Obreiros da Luz e estão aqui com uma missão a cumprir. Estão aqui para ajudar na transição do planeta Terra para a Luz. Vocês já fizeram isso inúmeras vezes e se tornaram especialistas nisso. 
Este livro lhes oferece um modelo que descreve o processo que está ocorrendo neste planeta. Esta obra não é verdadeira; não é real, porque, quando se está tentando descrever um modelo multidimensional e não-linear, é impossível usar a linguagem humana.

Mas vamos tentar fazer isso da melhor maneira possível. Se vocês às vezes se sentirem um pouco confusos, aguentem firme, porque o próprio processo não é absolutamente linear. Ele se assemelha mais à música. 

Entretanto, nós só podemos apresentar esse modelo de forma linear. Tentamos fazer isso de forma não-linear e ninguém entendeu nada. Esperamos que vocês possam perceber as mudanças pelas quais estão passando. Sabemos que se o corpo mental puder dizer, ‘’Ah, isso faz parte do oitavo nível do Corpo de Luz’’, os medos ocultos serão atenuados.

Essa informação faz-se necessária porque o nível de medo é muito alto, especialmente o medo proveniente dos corpos físico e mental. Se souberem o que está acontecendo com vocês e descobrirem que isso faz parte de um processo coerente, não vão achar que estão ficando malucos.

Cada vez que um planeta avança em direção à Luz , o processo de volta para casa, em que vocês aos poucos se libertam da experiência de separação, se expressa de maneira única. O processo é diferente, dependendo do planeta e da espécie que está ascendendo para a Luz. Este modelo diz respeito à espécie humana do planeta Terra. 

Há 383 outros planetas avançando em direção à Luz simultaneamente, e a maioria de vocês está encarnada na maior parte deles. Este planeta é, entretanto, especial, porque passou pelo nível máximo de separação da Fonte e agora está retornando a ela. E o retorno será bem-sucedido.

Não há absolutamente nenhuma dúvida quanto ao êxito da volta deste planeta à Fonte e de que não haverá nenhum apocalipse nesta realidade paralela. Houve um tempo em que não estivemos tão certos de que este planeta seria capaz de voltar à Fonte, mas hoje celebramos a certeza do regresso seguro. 

Uma espécie pode, porém, ascender ou passar para a Luz sem que o planeta ascenda. Esta não é a primeira espécie deste planeta a ascender – existiram quatro outras espécies antes da de vocês. O que torna esse processo em particular tão extraordinariamente maravilhoso é o fato de o planeta também estar ascendendo. Ele é um ente vivo e consciente que concordou em participar desse jogo da separação sob a condição de ascender quando ele acabasse. 
Gostaríamos de mencionar a excelência desse jogo no momento em que o planeta volta à Fonte. A beleza da Expressão Divina que vemos no rosto de vocês quando voltam é extasiante para os nossos olhos. Embora vocês tenham se afastado da Fonte pelo que, para nós, foi apenas um breve período de tempo, a reunificação constitui uma das energias mais extraordinárias do universo.

Esperamos que vocês possam sentir isso conscientemente, por vocês mesmos. Como nós existimos em simultaneidade, já vimos vocês passarem pela reunificação e esperamos participar da alegria que sentirem ao superar a si mesmos. 

Eu gostaria também de acrescentar que as medidas apresentadas no nosso modelo de Corpo de Luz resultaram do exame da quantidade de trifosfato de adenosina nas células. Mensuramos os níveis de Corpo de Luz com base no nível de mutação do corpo físico. A Angelic Outreach recebeu vários chamados de pessoas declarando que se encontravam no décimo segundo nível do Corpo de Luz.

Respondemos a elas que, de acordo com este modelo, isso não é possível, pois, se uma pessoa estivesse no décimo segundo nível do Corpo de Luz, ela não conseguiria pegar o telefone; ela seria pura Luz e não estaria na dimensão em que está. Ela pode, porém, ter muitos níveis de consciência, e tanto sua mente como sua consciência podem ir a muitos lugares; mas o que está ascendendo é o corpo físico dela, e é por isso que o mensuramos.

Sabíamos que, se formulássemos esse modelo de modo linear, e em níveis, muitos egos humanos se envolveriam em jogos do tipo ‘’Sou mais evoluído do que você (ou qualquer outro)’’. Lembrem-se, por favor, que cada nível é diferente e essencial. Nenhum é ‘’melhor’’ do que o outro. Lembrem-se também que, até janeiro de 1995, ninguém deste planeta, nesta realidade paralela, se encontra no décimo primeiro ou décimo segundo nível do Corpo de Luz. 

Por fim, gostaríamos de agradecer-lhes por estarem presentes no planeta neste momento. Vocês vieram para cá sabendo que teriam de adormecer. Teriam de negar tudo o que são, esquecer tudo o que sabem e tornar-se irreconhecíveis para si mesmos e para os outros. A nós coube a tarefa mais fácil – jamais nos afastaremos da Fonte ou sentiremos a separação do Espírito. Portanto, temos grande respeito pelo que vocês estão fazendo e nos sentimos honrados por trabalhar com vocês. 

O Que é Corpo de Luz? 

Todas as técnicas e processos descritos neste livro visam à integração da Luz Espiritual. Mas isso não se trata de uma prescrição médica. Se vocês estiverem com qualquer um dos sintomas mencionados a seguir, consultem um médico. 
Como vocês provavelmente sabem, este planeta encontra-se em ascensão. A frequência dele está aumentando num ritmo muito rápido, e ele está perdendo sua densidade. A matéria, tal como vocês a conhecem na terceira dimensão, é densificação de Luz. Essa densificação está começando a diminuir e o ritmo vibratório de cada um de vocês, bem como de todo o planeta, está aumentando. Este é um processo extremamente interessante. 
Quando ocorre um processo de densificação, como o que está acontecendo neste planeta, alcança-se o ponto máximo de separação com relação às formas mais puras da Luz. Nesse ponto de separação máxima, ocorre uma mudança e o planeta começa a reverter o processo e a iniciar o que denominamos jornada para casa, ou seja, de volta ao Ponto Um. Existem atualmente de sete a oito milhões de Obreiros da Luz atuando neste planeta – o que alguns chamam de ‘’equipes de transição planetária’’. 
Cada um de vocês é um Obreiro da Luz. Vocês vieram realizar uma missão especial, desenvolver talentos especiais e gozar de prazeres especiais. Muitos de vocês tornaram-se especialistas em colaborar com a ascensão de planetas, por terem feito isso milhares de vezes. 
A ascensão de cada planeta constitui um processo único – o processo de reunificação. E a alegria pela reunificação é expressada de forma diferente, dependendo de como se desenrolou o jogo. Esse jogo levou ao maior grau de separação do Espírito que se poderia alcançar. E foi muito bem sucedido. 
Mas o jogo, como vocês sabem, está mudando agora. E esse processo de mudança teve início oficialmente em março de 1988. Nesse momento, o que denominamos ‘’ativação do primeiro nível do Corpo de Luz’’ ocorreu com a maioria dos Obreiros da Luz. Foi como se um sininho tivesse ressoado em sua estrutura de DNA dizendo, ‘’É hora de voltar para casa!’’ E assim começou o processo de mudança. 
Apesar de ele ser extremamente prazeroso na maior parte do tempo, às vezes também pode ser difícil. Mas é um processo pelo qual todos vocês já passaram antes. O que torna o jogo interessante é a pergunta, ‘’Como me sairei desta vez? Por quais energias, emoções e prazeres passarei nesta jornada de reunificação?’’ O que chamamos de ‘’inspiração e expiração’’ da Fonte já ocorreu muitas e muitas vezes, e essa inspiração em particular terá sua própria expressão e satisfação como a volta deste planeta e de todos os outros ao Ponto Um. 
Este planeta encontra-se em estado de transição para a Luz, ou em processo de ascensão. Este é um processo gradual – vocês não passam da matéria para a Luz de um dia para o outro. Todos estão nesse processo e muitos de vocês estão, pelo menos, na metade do caminho. 

As Dimensões 

Antes de tudo, vou descrever resumidamente as várias dimensões ou planos de existência de acordo com o nosso modelo. Usamos um modelo de doze dimensões e vocês, que habitam um corpo físico, existem na terceira dimensão, que se baseia na matéria. A quarta dimensão, chamada plano astral, baseia-se, sobretudo nas emoções. Juntas, essas dimensões formam o que chamamos de Mundo Inferior da Criação.

Essas são as dimensões onde o jogo da separação se realiza. Essas são as únicas dimensões nas quais é possível sentir-se separado do Espírito, bem como dos outros seres humanos. Todos vocês se tornaram muito bons nesse jogo. Foi um jogo de separação muito bem sucedido, mas agora é hora de acabar com ele. Portanto, este planeta encontra-se em processo de ascensão e atualmente está vibrando nos níveis mais baixos do plano astral. Como parte do processo de ascensão, todas as dimensões se fundirão com as dimensões superiores e deixarão de existir. 

Como atualmente o planeta está vibrando no nível do plano astral intermediário, muitos de vocês começam a sentir como se estivessem sonhando. Nunca estão bem certos se estão acordados ou dormindo. As continuidades estão se rompendo. Paira no ar o sentimento de que as coisas podem mudar enquanto vocês as seguram nas mãos. A caneta com a qual estão escrevendo pode tornar-se um martelo, e essa falta de continuidade acabará por não incomodá-los, exatamente como ocorre quando vocês estão sonhando.

Vocês perceberão que o estado onírico está se alterando, que no momento em que despertam não se sentem muito seguros de que estão acordados. E ficarão lúcidos enquanto sonham, totalmente conscientes nesse estado. Estarão totalmente conscientes de si enquanto passam de uma realidade para outra, sentindo que elas também são reais. Vocês terão a impressão de que não existe mais apenas uma única realidade verdadeira. 

A quinta, a sexta, a sétima, a oitava e a nona dimensões formam o Plano Intermediário da criação. De acordo com o modelo que usamos, a quinta dimensão é a do Corpo de Luz, na qual vocês têm consciência de si mesmos como mestres e seres multidimensionais.

Na quinta dimensão, vocês estão inteiramente voltados para a espiritualidade. Muitos de vocês vieram deste plano para se tornarem Obreiros da Luz aqui. 

A sexta dimensão detém as matrizes dos padrões de DNA para a criação de todos os tipos de espécies, inclusive a humana. Ela é constituída, sobretudo de cores e tons e é também onde as Linguagens da Luz são armazenadas. É a dimensão na qual a consciência cria através do pensamento e é também um dos lugares que vocês visitam enquanto dormem. Pode ser difícil perceber essa dimensão, uma vez que vocês não têm corpo, a não ser que optem por criar um. Quando viajam pela sexta dimensão, vocês são como ‘’um pensamento vivo’’.

Vocês criam através da consciência, mas não têm necessariamente um veículo para essa consciência. 

A sétima dimensão é a da criatividade pura, pura Luz, puro tom, pura forma e pura expressão. É o plano do aperfeiçoamento infinito e é o último plano em que vocês se vêem como ‘’indivíduos’’. 
A oitava é a dimensão da mente grupal ou espírito grupal e é onde vocês têm contacto com a maior parte do que são. Ela é caracterizada pela perda de senso do ‘’eu’’. Nas viagens através das múltiplas dimensões, essa é aquela em que vocês têm mais dificuldade para manter a consciência individual, uma vez que se tornam puramente ‘’nós’’, e atuam com propósitos grupais. Portanto, pode parecer como se vocês estivessem dormindo ou tivessem simplesmente ‘’apagado’’. 
De acordo com o modelo que usamos, a nona dimensão é o plano da consciência coletiva dos planetas, sistemas estelares, galáxias e dimensões. Nessa dimensão também é extremamente difícil manter o senso de ‘’eu’’, uma vez que a pessoa torna-se tão ampla que abrange tudo. Imaginem-se como se fossem a consciência de uma galáxia! Vocês contêm todas as formas de vida, estrelas, planetas, bem como a mente grupal de todas as espécies existentes nela. 
A décima, a décima primeira e a décima segunda dimensões formam o Plano Superior da Criação. A décima é a fonte dos Raios, morada do que chamamos Elohim. É onde são traçados novos planos de criação que depois são enviados para os níveis intermediários de criação. O senso do ‘’eu’’ pode ser preservado nesse nível, mas não é exatamente o mesmo senso que se está acostumando a ter na terceira dimensão. A décima primeira dimensão é a que antecede a formação da Luz – o ponto anterior à criação e um estado de expectativa enorme, exatamente como o momento que antecede o espirro ou o orgasmo.

É o plano do ser conhecido como Metraton, bem como dos Arcanjos e outros Akáshicos deste sistema de Origem. Existem registros de Akáshicos planetários e Akáshicos galácticos, bem como do Akáshico de todo um sistema de Origem.

Vocês se encontram num dos muitos sistemas de Origem. Portanto, estamos lhes dando a descrição de apenas um sistema de Origem – este aqui. Se vocês forem a outro sistema de Origem, tudo será diferente. Como sou um Arcanjo, meu lugar de referência é a décima primeira dimensão. A décima segunda dimensão é o Ponto Um, onde toda consciência vê a si mesma como sendo totalmente una com Tudo Que Existe.

Não há nenhuma espécie de separação. Se vocês entrarem em contacto com esse nível, terão a sensação de que são inteiramente unos com Tudo Que Existe, com a força do Criador. Se vocês entrarem em contato com essa força, vocês jamais serão os mesmos, uma vez que, a partir do momento que conheceram a perfeita unidade, não poderão mais manter o mesmo nível de separação. 

Os Corpos 

Assim, no velho mundo, vocês têm um corpo físico, e a reação da maioria das pessoas a esse corpo físico é considerá-lo como um inimigo ou um adversário. Afinal, é através dele que vocês conhecem as limitações kármicas.

Em consequência disso, as pessoas geralmente têm a sensação de que ‘’se não tivessem um corpo, não teriam todas essas limitações’’. Há quem negue totalmente o fato de que o próprio corpo tenha uma consciência e que o propósito dessa consciência seja servir ao indivíduo e ao Espírito.

Por isso, o corpo físico passa a maior parte do tempo sentindo-se negado e maltratado, pois vocês dizem a ele: ‘’Eu não quero resgatar o karma através de você e por isso não vou dar nenhuma atenção ao que você disser. Não vou lhe dar o que você quer comer e não vou permitir que você faça as coisas do jeito que quiser.’’

Curiosamente, é assim que vocês tratam o corpo. Se refletirem sobre isso, perceberão que a maioria das pessoas tem uma relação de amor e ódio com o próprio corpo. ‘’Sou gordo demais, alto demais, grande demais, tenho pouco cabelo ou eles são crespos demais, compridos demais, ou curtos demais.’’

É esse tipo de relação que a maioria das pessoas tem com o corpo físico. 

Vocês também têm algo que denominamos corpo etérico. E a maioria das pessoas, se chega a perceber esse nível etérico, percebe esse corpo a cerca de um centímetro da pele. Mas ele também está dentro de vocês. Esse corpo sustenta as estruturas da sétima, da sexta, da quinta e da quarta dimensões. Vamos agora explicar isso. Estamos falando de dimensões. Vocês estão, neste momento, na terceira dimensão. 
A quarta dimensão, segundo o nosso modelo, é a do plano astral. É onde o padrão kármico de vocês está armazenado no corpo etérico. Essa dimensão aciona os movimentos que passam para os outros corpos energéticos, dando origem às experiências kármicas. Ela também concorre para manter o DNA atuando em níveis restritos à sobrevivência. Faz isso limitando a quantidade de Luz que o corpo pode absorver. 
Existe também a estrutura da quinta dimensão do Corpo de Luz (que está adormecida), e nessa estrutura há algo que denominamos cristais etéricos. Esses cristais bloqueiam certos fluxos, impedindo que esse corpo seja ativado prematuramente. 
A estrutura de quinta dimensão é formada de um sistema axiotonal de meridianos, um sistema circulatório axial e pontos giratórios aos quais são conectados esses sistemas e estruturas. Como parte do jogo da separação, os meridianos axiotonais humanos perderam a conexão direta com o Eu Supremo e com outras populações estelares.

Isso causa a atrofia do cérebro, o envelhecimento e a morte. As linhas axiotonais equivalem aos meridianos da acupuntura que possibilitam a ligação com a Mente Suprema e com os sistemas estelares ressonantes. 

Através das linhas axiotonais, o corpo humano é reprogramado diretamente pelo Eu Supremo em um novo Corpo de Luz. As linhas axiotonais existem independentemente de qualquer corpo físico ou forma biológica. Elas emanam de vários sistemas estelares e constituem o meio pelo qual o corpo galáctico controla seus mecanismos de renovação.

Visualizem a Via Láctea como sendo o corpo de um ser vivo consciente.

As estrelas e planetas são os órgãos desse corpo: as diferentes espécies existentes nas estrelas e nos planetas são como células dos órgãos do corpo galáctico, renovando as energias dos órgãos e células. O planeta Terra e seus habitantes foram desconectados do corpo galáctico e da Mente Suprema para entrar no jogo da separação, mas agora estão sendo reconectados. 

As linhas axiotonais são formadas de Luz e Som. As funções do Ofício Crístico são necessárias para reestruturar os meridianos axiotonais no corpo humano. Uma vez que a reconexão tenha ocorrido, o Eu Supremo transmite as frequências apropriadas de cor e som para transformar o corpo físico em Corpo de Luz.

As linhas axiotonais encontram-se ao longo dos meridianos da acupuntura e conectam-se com alguns deles através dos ‘’pontos giratórios’’. Esses pontos são pequenos vórtices esféricos de energia eletromagnética que parecem estar na superfície da pele. Existem também pontos giratórios em cada célula do corpo.

Esses pontos celulares emitem frequências de Som e Luz que fazem girar os átomos das moléculas contidas na célula a uma velocidade maior. Com a aceleração do movimento giratório das moléculas, são criadas as fibras de Luz que formaram uma rede para a regeneração das células. 

Sistema circulatório axial foi completamente atrofiado na espécie humana, para que as linhas axiotonais fossem desconectadas e o jogo da separação pudesse ser efetuado.

Trata-se de um sistema energético de quinta dimensão que liga os pontos giratórios da superfície da pele ao ponto giratório de cada célula. Ele é um modelo para a transmutação física e está sendo renovado agora, quando as linhas axiotonais estão sendo reconectadas.

O sistema axial faz pulsar a energia como o sistema circulatório faz pulsar o sangue, mas o sistema axial é basicamente de natureza elétrica, como o sistema nervoso. 

O Eu Supremo envia energia para a linha axiotonal, que a passa então para os pontos giratórios da superfície da pele, energizando os meridianos físicos de acupuntura e, em seguida, o sistema axial.

Quando o sistema axial recebe energia do Eu Supremo, ele recombina sons e cores para sintonizar novamente os sistemas circulatório, linfático, endócrino e nervoso com o Plano Divino, o Adão Kadmon. 

Esse sistema também conduz a energia do Eu Supremo até os pontos giratórios no interior das células. Isso estimula os pontos giratórios a emitir Som e Luz para criar uma estrutura em forma de rede que faz com que a humanidade continue evoluindo. 
A sexta dimensão detém os moldes ou padrões que são criados para a formação da matéria e dos Corpos de Luz.

É nessa dimensão que são mantidos todos os códigos de DNA.

Portanto, vocês têm um padrão de sexta dimensão que determina o conteúdo do DNA, bem como a forma física de vocês. Os Obreiros da Luz têm amostras do material genético das várias espécies que vivem nos 383 planetas em ascensão. 

As estruturas de sétima dimensão servem para personificar a Divindade. Elas atuam como mediadoras entre o corpo físico ou astral de uma determinada espécie e sua essência divina. O Adão Kadmon é a forma divina da qual emanam todas as espécies sencientes; por isso, ele abarca inumeráveis formas. As estruturas de sétima dimensão são extremamente flexíveis e variam de pessoa para pessoa.

Existem ‘’fronteiras’’ preestabelecidas na estrutura e nos corpos de terceira e quarta dimensões que determinam um limite para a meditação dos Espíritos Superiores e para a corporificação de qualquer espécie. 

Portanto, antes da ativação dos corpos para a Luz, os que estavam caminhando sobre este planeta perceberam, em sua maioria, só o padrão de quarta dimensão em seu corpo. O corpo seguinte de acordo com este modelo é o que chamamos de corpo emocional.

Os corpos emocional, mental e espiritual são formados de tetraedros duplos, tal como podem ser vistos da perspectiva pentadimensional. Eles giram de acordo com certos ritmos específicos.

No corpo emocional, vocês têm todos aqueles pontos de aprisionamento, que não passam de formas geométricas puras que por acaso não se movem de maneira coerente. Esse movimento irregular é causado pelas estruturas de quarta dimensão contidas no padrão etérico. Em consequência disso, vocês ficam presos às emoções – o que faz parte do jogo kármico. Nesse jogo, vocês são instruídos para não se expressar. Expressar-se é perigoso. 

Se vocês não puderem expressar-se, prenderão as maravilhosas formas geométricas naquele campo. O que acontece é que vocês vagam por aí até toparem com alguém com um ‘’ponto de aprisionamento’’ complementar. Então, suas pequenas formas geométricas ficam aprisionadas e eis vocês ali, vivendo o karma. Vocês ficam presos e permanecerão presos até concluí-lo e as formas geométricas se libertarem.

Vocês sentem a situação como uma limitação, sentem-na como um mal-estar. E quando passam por essa situação, vocês perguntam: ‘’Por que diabos estou passando por isso?’’ 

O corpo mental também é constituído por formas geométricas. A função desse corpo é determinar a realidade. Ele acredita deter o controle. Crê que dirige o espetáculo. Ele não o dirige, mas sua tarefa é determinar o que é ‘’real’’. Ele determina o modo pelo qual o universo é recriado na vida de vocês. Portanto, por determinar o que é real, ele os mantêm aprisionados no jogo kármico.

Não há nada que o corpo mental deteste mais do que a mudança. Absolutamente nada. Porque se vocês mudam o que estão fazendo agora, poderão não sobreviver no futuro. Ele continua mantendo uma realidade que, na visão dele, os manterá vivos, não importando se essa realidade os agrada ou não.

Ele não se importa o mínimo com a felicidade ou a satisfação de vocês. Ele está ali para garantir a sobrevivência.O estado natural de Tudo Que Existe é unificado no interior dele mesmo.

A quantidade de energia que o corpo mental despende para manter a ilusão da separação é absolutamente incrível. Despende muito mais energia do que se ele simplesmente abrisse mão dessa ilusão. Essa é, em parte, a razão pela qual o corpo mental foi criado para ser forte.

A maneira mais fácil de manter a ilusão da separação foi fazer o corpo mental considerar tudo o que não pode ver como sendo ‘’irreal’’. Dessa maneira, ele rejeita todos os impulsos provenientes do Espírito. 

O corpo espiritual (o próximo de dentro para fora) é também formado pelos mesmos tetraedros duplos, mas é ignorado na maior parte do jogo kármico. Seu objetivo é ligar a pessoa com sua Mente Suprema, sua Alma Crística Suprema e com a Presença EU SOU. O corpo espiritual permanece quase totalmente fora do jogo kármico. Ele é simplesmente deixado de lado e essas ligações não são estabelecidas. 
O corpo espiritual transmite impulsos e informações provenientes do Espírito da pessoa, os quais são então barrados pelo corpo mental que diz: ‘’Isso não é real.’’ Quando o corpo emocional capta indicações do Espírito, em vez de tentar expressá-las, ele se cala. E a pessoa continua repetindo todo o círculo de limitação e separação, uma vez que todo esse jogo está baseado na ilusão da separação do Espírito. Foi para isso que ele foi criado. 
Os chakras
O que também muda de função é o sistema dos chakras. A maioria das pessoas sabe da existência dos chakras.

Cada uma delas tem um total de quatorze chakras principais que existem em muitas dimensões simultaneamente – sete no corpo físico, sete fora do corpo – e mais os ‘’chakras’’ Alfa e Ômega.

A maioria das pessoas vê ou sente os chakras como fontes que vibram e irradiam energia, mas os chakras também têm uma estrutura interna de seis dimensões.

Sob o domínio do jogo kármico, a estrutura dos sete chakras do corpo foi deliberadamente restrita para que eles pudessem apenas conduzir energia do plano astral. Eles foram ‘’bloqueados’’.

Com essa estrutura limitada, o chakra assumiu a aparência de dois cones. Um dos cones abre-se para frente do corpo e o outro abre-se para trás. No lugar em que suas pontas se tocam no centro do corpo, ele é ‘’bloqueado’’ para que permaneça dessa forma.

Essa parte central mais estreita tende a ser obstruída por ‘’entulhos’’ mentais e emocionais, que fazem com que os cones girem mais lentamente ou parem totalmente de girar. Isso faz com que o sistema dos meridianos fique desprovido de energia, podendo causar doença ou morte. Essa estrutura dos chakras pode fazer com que a energia circule apenas da frente para trás e de trás para frente, sem conseguir captar as frequências das dimensões superiores.

Quando o processo do Corpo de Luz é ativado, os ‘’bloqueios’’ nos pontos centrais são eliminados. A estrutura do chakra abre-se gradativamente a partir do centro até ele se tornar esférico. Isso faz com que o chakra irradie energia em todas as direções e comece a transmitir frequências das dimensões superiores. O corpo libera o material kármico acumulado e a forma esférica impede que ele volte a se acumular.

As esferas continuam aumentando de tamanho até que todos os chakras se fundam em um único campo energético. Cada um dos chakras superiores (os chakras que estão fora do corpo) tem um padrão diferente de estrutura geométrica, que é apropriada para transmitir as frequências específicas da dimensão ou Mente Suprema associada ao chakra.

O oitavo e o décimo primeiro chakras contêm também vasos cristalinos de formato achatado, pelo quais passam as linhas axiotonais galácticas. Esses vasos são usados pela Mente Suprema para modular as influências astrais sobre o corpo físico da pessoa quando seus meridianos axiotonais forem reconectados.

A Mente Suprema calibra novamente as linhas axiotonais e o sistema circulatório axial através do oitavo chakra. Por isso, esse chakra atua como ‘’chave de controle’’ durante a mutação dos sistemas do corpo e a fusão dos corpos energéticos.

Até recentemente, os ‘’chakras’ Alfa e Ômega estiveram atrofiados no corpo humano. Mesmo sendo centros energéticos, os ‘’chakras’’ Alfa e Ômega têm características e funções totalmente diferentes dos outros chakras. Eles são reguladores altamente sensíveis das ondas elétricas, magnéticas e gravitacionais, e também servem de âncora para a qualidade etérica da sétima dimensão. 
O ‘’chakra’’ Alfa situa-se de quinze a vinte centímetros acima e cinco centímetros à frente do centro da cabeça. Ele liga a pessoa ao corpo de Luz imortal na quinta dimensão.

O ‘’chakra’’ Ômega encontra-se cerca de vinte centímetros abaixo da parte inferior da coluna e liga a pessoa ao planeta como um holograma, bem como com toda a rede holográfica de encarnações.

Diferentemente da matriz kármica de quatro dimensões, esse é um tipo de ligação inteiramente não – kármico. O oitavo chakra encontra-se de dezessete a vinte e três centímetros acima do centro da cabeça, acima do ‘’chakra’’ Alfa.

Há uma coluna de Luz, de cerca de dez centímetros de diâmetro, que desce do oitavo chakra através do centro do corpo e dos chakras corporificados, até cerca de vinte centímetros abaixo dos pés. Essa coluna abriga um túnel de Luz, de cerca de dois centímetros de diâmetro, que desce exatamente pelo centro, percorrendo toda a extensão da coluna.

Quando os ‘’chakras’’ Alfa e Ômega estão abertos e funcionando devidamente, a pessoa sente algo conhecido como Ondas de Metraton percorrendo a coluna de Luz internamente.

Essas ondas magnéticas, elétricas e gravitacionais oscilam de um lado para o outro entre os ‘’chakras’’ Alfa e Ômega que regulam a amplitude e a frequência das ondas. Essas ondas estimulam e mantêm o fluxo de energia vital prânica através do túnel menor de Luz.

As Ondas de Metraton também ajudam a adaptar a mutação do corpo físico ao modelo preexistente do corpo de Luz imortal.

Quando os chakras do corpo restabelecem sua estrutura esférica, formam-se redes que conectam os chakras diretamente aos pontos giratórios da superfície da pele, ligando-as diretamente aos novos sistemas axiotonais e axiais.

Ao ligar as redes com as linhas axiotonais, os chakras entram em contato com redes de ressonância universal e com movimentos ondulatórios de níveis superiores de evolução.

Isso possibilita que os chakras, bem como o corpo emocional, mental e espiritual fundam-se num único campo energético.

Esse campo unificado recebe então os corpos da Mente Suprema e entra em sincronia com as ondas e pulsações do universo.

Esse sistema totalmente novo transmite, então, essas ondas e pulsações, por meio dos pontos giratórios, para o sistema circulatório axial para regular as pulsações e fluxos dos fluidos do corpo.

Durante o jogo kármico, como a pessoa está separada do Espírito, vivendo em estado de limitação e alienada de seu corpo físico, isso normalmente significa que ela não se encontra em seu corpo. E se ela não está em seu corpo, não pode ativar o chakra do coração. 
Como ela não pode ativar o chakra do coração, os chakras predominantes são o chakra da base, o chakra do umbigo e o chakra do plexo solar.

Todas as atitudes da pessoa são um resultado do medo instintivo, do padrão kármico, do poder, da luxúria, da cobiça ou de puras relações de poder centradas no ego. A pessoa, portanto, não conseguirá ter nenhuma atitude mais elevada enquanto não estiver inteiramente no corpo. E, obviamente, os chakras superiores que estão fora do corpo não serão de maneira alguma ativados. 

A Ativação 
Em março de 1988, todos aqueles que chamamos de Obreiros da Luz neste planeta foram ativados até pelo menos o primeiro nível do Corpo de Luz.

A 16 de Abril de 1989, toda a estrutura cristalina da matéria e todo o habitante deste planeta foram ativados até pelo menos o terceiro nível do Corpo de Luz. Portanto, esse não é um processo seletivo: todo mundo está passando por ele.

Muitas pessoas estão abandonando o planeta porque não querem passar por esse processo nesta vida. Pode-se escolher vivê-lo em qualquer vida, em qualquer realidade paralela. Não pensem, portanto, que estamos ‘’perdendo’’ as pessoas. Elas simplesmente não estão preparadas para realizar isso nesta encarnação.

O Primeiro Nível do Corpo de Luz
Vocês foram, portanto, ativados para o primeiro nível do Corpo de Luz. Quando isso ocorreu – para a maioria das pessoas – foi como se uma lâmpada incandescente tivesse se acendido no DNA: ‘’É hora de voltar para casa.’’

É assim que o corpo sente: ‘’Hora de voltar para casa.’’

Há um sentimento de alegria que provém do corpo e que é simplesmente maravilhoso. No mesmo instante, o corpo disse: ‘’Hora de perder a densidade’’ e, então, a grande maioria das pessoas foi acometida de ‘’gripe’’. Muito do que está ocorrendo e que as pessoas chamam ‘’gripe’’, nós chamamos de ‘’sintomas da mutação’’.

Enquanto o corpo está perdendo a densidade, ele está propício a ter dores de cabeça, vômito, diarréia, acne, erupção de pele; e quaisquer sintomas semelhantes ao da gripe são muito comuns, como dores musculares e nas articulações.

E talvez você se lembre de que, em março de 1988, houve uma epidemia de ‘’gripe’’: foi uma epidemia de Luz!

A ciência genética considera atualmente que 99% do DNA é ‘’lixo’’, pois ‘’eles não sabem o que significa’’.

De fato, o DNA humano contém parte do material genético de cada espécie existente na Terra, além do material genético codificado holograficamente com a experiência coletiva de toda a humanidade e com as experiências da rede holográfica de encarnações, bem como partes do código genético das espécies sensíveis de 383 planetas em ascensão, de cinco universos locais! O DNA contém também códigos latentes para a transformação do corpo físico em Corpo de Luz !

Apenas cerca de 7% dos códigos genéticos estavam ativos antes de março de 1988. Então, no primeiro nível do Corpo de Luz, o Espírito ativou uma série desses códigos latentes pela infusão de uma sequência de sons e cores. Esses códigos recentemente ativados deram sinal ao corpo para que ele iniciasse o processo de mudança no DNA e realizasse uma profunda alteração no modo como as células metabolizam energia.
Mensuramos os níveis do Corpo de Luz pela atividade que as células têm de metabolizar Luz. O indicador dessa nova atividade celular é a quantidade de trifosfato de adenosina presente nas células. Antes da ativação para o Corpo de Luz, a energia para o funcionamento da célula provinha de uma produção de energia e de um sistema de armazenamento que transmuta energia de difosfato de adenosina para trifosfato de adenosina e vice-versa.

O trifosfato de adenosina é um complexo de energia armazenada encontrado nas células. No interior das mitocôndrias, o alimento é convertido em energia para as células, que é então acumulada no trifosfato de adenosina. O trifosfato de adenosina tem uma cadeia de três grupos de fosfato, que se projeta da molécula. Quando uma molécula de trifosfato de adenosina perde seu grupo de fosfato mais afastado, ela se torna uma molécula de difosfato de adenosina. A ruptura da adesão química libera energia para a célula realizar suas funções, entre elas a de criar proteínas.

O difosfato de adenosina pode voltar a se tornar trifosfato de adenosina pela assimilação de alguma energia e de um grupo fosfórico. O trifosfato de adenosina e o difosfato de adenosina perdem e ganham grupos fosfóricos para liberar e armazenar energia para o funcionamento celular. Esse é um sistema fechado de energia biológica que assegura o envelhecimento e a morte. Nenhuma energia nova é obtida.
Quando foi ativada a mudança para o Corpo de Luz, uma série de códigos de DNA latentes foi ativada e começou a dar novas instruções para as células. Uma das primeiras foi comunicar às células que reconhecessem a Luz como uma nova fonte de energia. No início, a consciência celular não sabia o que fazer com essa informação.

À medida que as células foram inundadas de Luz, as mitocôndrias (que são extremamente sensíveis à Luz) começaram a absorver totalmente essa nova ativação de sons e cores e a produzir grandes quantidades de trifosfato de adenosina em forma de pequenas explosões. As células ainda não tinham absorvido Luz suficiente para estabilizar a adesão fosfórica, de maneira que o trifosfato de adenosina resultou muito rapidamente em difosfato de adenosina e o metabolismo celular foi acelerado.

Toxinas acumuladas, antigos traumas, emoções e pensamentos reprimidos começaram a jorrar do corpo físico, causando sintomas semelhantes aos da gripe.

Em sua forma antiga, o cérebro é dividido em hemisférios direito e esquerdo, de acordo com suas funções.

As glândulas pineal e pituitária estão atrofiadas – mais próximas do tamanho de uma ervilha do que de uma noz. Com a ativação, a química do cérebro começa a se alterar e a produzir novas sinapses.

O Segundo Nível do Corpo de Luz
No segundo nível, o plano etérico de seis dimensões começa a ser inundado de Luz e começa a dissipar as estruturas de quatro dimensões que prendem a pessoa às experiências kármicas ao longo de todas as vidas.

Em consequência disso, vocês podem começar a se sentir um pouco desorientados, além de ser acometidos de mais ataques de gripe.

É bem provável que vocês fiquem de cama se perguntando: ‘’Porque estou aqui?’’, ‘’Quem sou eu?’’, e podem ter uma vaga idéia de que existe algo chamado ‘’Espírito’’ na vida de vocês.

Vamos agora definir um outro termo. Quando usamos o termo ‘’alma’’, estamos nos referindo à parte diferenciada do Espírito que vive através do corpo físico. Quando dizemos ‘’Espírito’’, estamos nos referindo àquela parte de vocês que é indiferenciada e totalmente ligada à Fonte.

Portanto, no segundo nível do Corpo de Luz, são dissipadas as estruturas de quarta dimensão que começam a mudar a rotação das formas geométricas dos corpos emocional, mental e espiritual. Vocês começam a mudar muito rapidamente. Grande parte do que vocês sentem é puramente físico. E podem se sentir extremamente cansados.
O Terceiro Nível do Corpo de Luz
No terceiro nível do Corpo de Luz, as sensações físicas tornam-se extremamente fortes. O cheiro dos restos colocados na lata de lixo pode, por exemplo, levá-los às raias da loucura – mesmo se vocês estiverem no andar de cima.

Tudo pode parecer incrivelmente táctil. A cadeira na qual vocês estão sentados ou as roupas que estão usando podem incomodá-los terrivelmente, pois vocês estão extremamente sensíveis. Muitas pessoas redescobrem o prazer sexual no terceiro nível do Corpo de Luz.

É por essa razão que aumentou o número de nascimentos desde abril de 1989, quando o planeta e sua população foram ativados para o terceiro nível.

Tudo o que está acontecendo está muito concentrado no corpo físico. Ele está começando a se expandir para o que nós chamamos de ‘’sistema biotransdutor’’. O corpo físico foi feito para decodificar e lidar com energias de Luz Superior, bem como para transmitir essas energias para o planeta.

Como parte do jogo da separação, essas funções atrofiam-se. A intensificação das sensações físicas é o primeiro sinal do despertar do corpo para seu caráter ‘’biotransdutor’’.

Jatos de Luz indiferenciada são emitidos pela Mente Suprema nas linhas axiotonais de quinta dimensão.

A partir das interfaces dos pontos giratórios axiotonais na superfície da pele, começa a formar-se o sistema circulatório axial de quinta dimensão. O sistema axial expande-se, então, até os pontos giratórios e os ativa em cada célula do corpo físico. Enquanto no primeiro e no segundo níveis do Corpo de Luz, o corpo físico era inundado de Luz, agora no terceiro nível, cada célula é focalizada pela Luz através do sistema axial. 

As mitocôndrias reconhecem essa Luz como uma espécie de ‘’alimento’’ e produzem mais trifosfato de adenosina. Como a Luz que é recebida pela célula é uma energia utilizável, uma quantidade menor de trifosfato de adenosina transforma-se em difosfato de adenosina.

Quando o sistema axial passa a energia da Mente Suprema para os pontos giratórios nas células, estes produzem frequências de Som e Luz que alteram a rotação atômica na molécula de trifosfato de adenosina, tem início um outro tipo de atividade.

Os três grupos de fosfato que formam a base da molécula de trifosfato de adenosina começam a funcionar como uma antena para captar a Luz indiferenciada, e a extremidade simétrica da molécula funciona como um prisma, fragmentando a Luz em espectros de cores subtis, usados pelos códigos de DNA inativos.

Antes da ativação do Corpo de Luz, o ácido ribonucléico transmitia mensagens num único sentido. Ele levava as instruções dos 7% ativos do DNA às outras partes da célula, como, por exemplo, a ordem para sintetizar determinadas proteínas.

No terceiro nível do Corpo de Luz, o ácido ribonucléico transmite mensagens nos dois sentidos! Ele passou a retransmitir aos códigos de DNA a Luz, fragmentada em frequências de cores pelo prisma/antena do trifosfato de adenosina, de volta para os códigos DNA.

Os códigos genéticos inativos são ativados gradualmente em cada nível do Corpo de Luz e passam suas informações para o ácido ribonucléico, que as retransmite para as demais células.

Isso é muito parecido com a tecnologia a laser do novo CD desenvolvida na Terra. Uma enorme quantidade de informações pode ser armazenada em um único disco.

Imagine que uma imensa quantidade de informações pode ser armazenada em um espectro de cor vermelha e enormes quantidades de dados podem ser armazenadas em um espectro de cor azul.

Um raio laser vermelho atravessa o disco, possibilitando a leitura de todas as informações vermelhas, embora vocês ainda não saibam o que está armazenado no espectro azul. Passando um raio lazer azul sobre o CD, todas essas informações tornam-se disponíveis.

As frequências de Luz/Cor ‘’leem’’ o DNA de maneira muito semelhante. Antes de o espectro de cores ser transmitido, vocês não têm nenhuma idéia do que ele contém.

Cada nível do Corpo de Luz tem seu próprio código de cor e som. Dessa maneira, o Espírito realiza a mudança gradual do corpo físico. A transmissão de informação num só sentido – do DNA para o ácido ribonucléico – e o ciclo de energia trifosfato de adenosina – difosfato de adenosina eram sistemas fechados, que asseguravam a entropia. 

Nada podia mudar, senão decompondo-se. Com a ativação do Corpo de Luz, novos sistemas, totalmente abertos podem desenvolver-se, tornando acessíveis para o corpo quantidades infinitas de informação e de energia. O diálogo entre o corpo físico e o Espírito foi iniciado.
Nos dois primeiros níveis do Corpo de Luz, pode-se ainda reverter todo o processo, pois o trifosfato de adenosina e o ácido ribonucléico ainda não passaram a funcionar dessa maneira nova. No terceiro nível do Corpo de Luz, está ocorrendo uma mudança continua que vocês não podem deter.

É por isso que a ativação das populações indígenas deste planeta e do próprio planeta ocorreu no terceiro nível do Corpo de Luz, pois assim o processo simplesmente não poderia ser alterado. 

Essa ativação no terceiro nível do Corpo de Luz também estabeleceu uma correlação entre este planeta e os outros que estão ascendendo do plano físico, de modo que estivessem todos sincronizados. Não é apenas este planeta que está ascendendo: toda a dimensão está ascendendo!

E também todo o plano astral. Quando essa ascensão estiver concluída, não existirão mais os planos físico e astral. Todo esse processo constitui algo a que denominamos ‘’inspiração’’ da Fonte.

De acordo com o nosso modelo, a Fonte (o Ponto Um, Tudo Que Existe ou Deus) manifesta-se em forma de inspirações e expirações de criatividade – expirações muito lentas e inspirações muito rápidas.

Um Obreiro da Luz certa vez nos perguntou por que leva bilhões de anos para que esse jogo chegue a esse nível de separação se depois o revertemos em apenas vinte anos. Imaginem que vocês são o Uno e, como tal, vocês decidem investigar as inúmeras facetas do que vocês são através dos níveis de individualização progressiva.

É como estender um elástico. À medida que vocês desenvolvem uma individualização cada vez maior, o elástico torna-se cada vez mais rijo. Até chegar um ponto em que ele não pode mais ser estendido. Vocês afastaram-se o máximo possível do Ponto Um e a tensão é enorme. 

Nesse momento, vocês voltam atrás e soltam o elástico que representa a separatividade. O que acontece?

Vocês voltam ao Ponto Um muito rapidamente. Neste planeta, o jogo da separação chegou a um ponto em que se tornou impossível qualquer relacionamento entre as pessoas. Todos os relacionamentos kármicos pelos quais vocês podiam passar já ocorreram e, com isso, vocês iniciaram a fase de ‘’inspiração’’. O jogo acabou. É hora de voltar para casa. 

O que denominamos ‘’Obreiros da Luz’’ são membros de equipes de transição que estão neste planeta para auxiliar nesse processo de Luz.

É para isso que vocês estão aqui. Algumas pessoas estiveram neste planeta durante todo o ciclo. O Outras auxiliaram na montagem desse jogo específico e decidiram ficar aqui para ver como ele funcionaria. Se considerassem esse processo do ponto de vista do tempo linear, vocês veriam que estão tanto no tempo linear quanto nos tempos paralelos, sendo ativados, tornando-se Luz.

Um planeta não ascende em um determinado instante – ele ascende desde o momento de sua criação. E é por isso que muitos de vocês tiveram tantas vidas aqui. Outros estão vindo auxiliar agora, o que também é muito bom.
O Quarto Nível do Corpo de Luz 
Quando vocês passam para o quarto nível do Corpo de Luz, começam a entrar naquilo que chamamos de estágios mentais. Isso causa uma enorme mudança na química e no eletromagnetismo do cérebro.
Nessa altura, se vocês tiverem cristais reguladores no corpo etérico, eles poderão se tornar extremamente incômodos.

Vocês poderão começar a ter dores de cabeça constantes, ataques, dores no peito, vista obscurecida ou deficiência auditiva. 

Esses cristais impedem que as linhas de Luz estabeleçam conexões no padrão de quinta dimensão, assim como a eletricidade. Dor no peito é algo que vocês podem sentir durante todo o processo para o Corpo de Luz, pois o coração começa a se abrir para níveis cada vez mais profundos.

Todo o aparelho visual e auditivo começa a se alterar em consequência da expansão do cérebro. Tem início uma atividade totalmente diferente no quarto nível do Corpo de Luz.

O cérebro começa a estimular ambos os hemisférios ao mesmo tempo, e, se houver algo impedindo-o de fazer isso, podem surgir complicações.

A maioria das pessoas começa a sentir como se uma corrente elétrica atravessasse a cabeça. É possível que vocês sintam uma energia elétrica literalmente percorrer o crânio ou a coluna. 
Vocês podem ter a primeira experiência do que é o pensamento não-linear, que pode ser agradável ou aterrorizante. Vocês começam a passar por uma mudança no nível mental.

O corpo mental começa a dizer a si mesmo: ‘’Deus meu, parece que perdi o controle’’. 

É comum no quarto nível do Corpo de Luz aparecer alguém na vida de vocês dizendo: ‘’O mais importante é seguir o Espírito sem hesitar’’, ou algo semelhante. De repente, o corpo mental é assaltado pela idéia: ‘’Meu Deus, talvez haja alguém controlando isso tudo, porque com certeza eu não estou!’’ 
E começa a mudar a percepção que vocês têm de si mesmos, passando a não ter mais tanta certeza do que é ou não é real. O Espírito começa a mostrar imagens muito mais amplas e abrangentes da realidade ou dos padrões dos corpos energéticos.
No quarto nível, tem-se uma vaga idéia de que existe um Espírito. Subitamente, recebe-se impulsos de partes desconhecidas e a pessoa começa a achar que talvez convenha seguir esses impulsos.

O corpo mental grita: ‘’Espere um pouco. O que significa isso?’’ Ele começa a querer deter o controle sobre o mundo e fica muito agitado, pois começa a perceber que tudo está mudando. Tudo que ele definiu como real está começando a mudar.

A pessoa começa a ter surtos de telepatia ou clarividência. É simplesmente como se neste momento todo mundo estivesse sentindo certa empatia.

E, de novo, o corpo mental tenta assumir o controle, porque percebe que o corpo emocional está se abrindo e, obviamente, a seu ver, isso é perigoso e pode pôr a vida de vocês em risco.

Por isso, os instantes de empatia podem ser extremamente incômodos para as pessoas, embora, ao mesmo tempo, possam ser muito estimulantes, pois proporcionam uma ligação muito maior com todas as coisas, uma sensação do tipo ‘’Estou ligado às coisas daqui.

Algumas pessoas talvez eu já conheça de outro lugar. Conheço você de algum lugar. Você parece familiar.’’ E vocês começam a desconfiar de que talvez haja um propósito para estarem aqui.

O Quinto Nível do Corpo de Luz
No quinto nível do Corpo de Luz, o corpo mental geralmente diz: “Quem sabe eu tente seguir o Espírito”. Não sei se vou conseguir, mas talvez eu tente.’’ E ele então começa a procurar pistas. A pessoa muitas vezes começa a ter visões de si mesma fazendo outras coisas. Muitas vezes, seus sonhos começam a mudar. Ela começa a se lembrar um pouco mais de seus sonhos. Algumas pessoas começam a ter sonhos lúcidos no quinto nível.
Em certos momentos, a pessoa pode achar que talvez esteja ficando louca, pois pode estar começando a ter pensamentos não-lineares. De repente, em vez de ver as coisas como sempre viu, ela começa a perceber o todo, ou seja, começa a pensar de modo não linear.

E então o corpo mental diz: ‘’Espere um pouco, não posso controlar isso. Conseguiremos sobreviver se fizermos isso?’’ ele está, portanto, questionando o que está acontecendo: ‘’Existe um Espírito? Acho que sim.

Melhor procurar saber se ele existe, porque senão vamos todos morrer.’’ A pessoa é assaltada pelo medo da morte, que emerge do corpo mental, e este começa a mudar seu comportamento e a abandonar antigos medos.

Existe uma parte de vocês que é exatamente como uma criança exclamando: “Oba, estamos indo para a luz”!’’ E vocês estão felicíssimos.

E também existe o corpo mental, que é exatamente como um velho ranzinza.

Vocês poderão perceber claramente essas duas metades de si mesmos: ‘’Muito bem! Terei que tomar uma decisão sobre o que quero fazer.’’

Vocês começaram a tomar consciência de que são muito mais do que julgavam ser.

Quando isso ocorre, o corpo mental nega: ‘’Não, isso não é verdade!’’ e bate com força a porta, para depois voltar a abri-la.

E vocês continuam com essa sensação de ‘’abrir’’ e ‘’fechar’’ várias vezes. Pode até parecer uma atitude um pouco maníaco-depressiva. O que o Espírito quer é que o corpo mental abandone o controle para que vocês possam se tornar um Espírito corporificado ativo neste planeta, plenamente consciente em todas as dimensões.

No quinto nível do Corpo de Luz, vocês também começam a perceber que muitas idéias acerca de como as coisas são, na verdade, não são de fato suas.

Vocês começam a tomar consciência: ‘’Oh, Deus, estou agindo exatamente como meu pai. Ele era exigente e eu também sou. Ei, espere aí, essa energia não é minha.’’ Ou ‘’Minha filha derramou o leite e eu estou gritando com ela exatamente como minha mãe gritava comigo. Essa energia não é minha. Não quero fazer isso. Não é isso o que quero fazer aqui.’’ 

Vocês percebem que têm conceitos acerca da realidade que não são absolutamente seus. E começa o processo mental em que vocês tentam descobrir a própria identidade, diferenciando-se dos outros ao seu redor. Cada um tem, em seu campo energético, o quadro total de ‘’como as coisas são’’. Ele é diferente do quadro dos pais, dos avós, dos irmãos e dos parceiros. Esse quadro total está sendo continuamente atualizado. Quando vocês tomam consciência de que essas estruturas estão presentes em seus campos energéticos, vocês podem se sentir externamente cercados por elas.
Aqui estão vocês – cientes de toda essa mudança ocorrendo no corpo, toda essa coisa maravilhosa e, ao mesmo tempo, sentindo-se como se estivessem numa redoma de vidro – toda essa mudança acontecendo e vocês presos a idéias.

Então, vocês iniciam um processo de seleção: ‘’Bem, vou aceitar parte disso, nada daquilo, um pouco disso e um pouco daquilo.’’

Começam a tomar cada vez mais consciência da sua própria energia, do que vocês realmente são.

Quando têm uma idéia ou opinião sobre alguma coisa, vocês simplesmente se perguntam: ‘’Estou pensando como meu pai ou estou sendo eu mesmo?’’ 

Pode ser um pouco assustador olhar-se no espelho e pela primeira vez dizer: ‘’Oh, não! Estou ficando como a minha mãe. Jurei que não seria igual a ela.’’

Mas descobrem que chegaram a um ponto em que as idéias alheias acerca da realidade começam a influenciá-los cada vez menos.

O QUE É CORPO DE LUZ – Parte 2

Do Livro: O que é o Corpo de Luz? 


Mensagem do Arcanjo Ariel
Canalizada por Tashira Tachi-ren
 PARTE 2
O Sexto Nível do Corpo de Luz
No sexto nível do Corpo de Luz vocês, conscientemente, libertam-se dessas idéias acerca da realidade. Nessa altura, o Espírito costuma colocá-los em contato com pessoas que estão em meio ao processo do Corpo de Luz. Pode ser que o Espírito faça cair livros das prateleiras nas mãos de vocês. Vocês já tiveram alguma vez essa experiência de ver livros caírem sobre vocês numa livraria? Vocês podem passar por isso a qualquer momento. É uma das formas preferidas que o Espírito usa para dizer ‘’Leia isto’’.
Vocês começam a receber outras informações, outras idéias sobre a realidade. Começam a ter um entendimento maior de sua própria realidade e de como vocês a influenciam.
Muitas vezes, no quinto e no sexto níveis, vocês têm a sensação de que as coisas não são sólidas. Enquanto meditam, talvez vocês olhem para a mão e tenham a impressão de que ela não é sólida, ou tenham uma daquelas estranhas experiências em que colocam a mão contra a parede e sentem que ela cede. Assim, vocês podem estar passando por momentos de multidimensionalidade, de pensamento não-linear e sentindo como se nada fosse real.

Isso pode ser um verdadeiro choque para aquele tipo de pessoa que gosta de compartimentar tudo, de repente, ela vê a totalidade de uma só vez. Então, ela terá que retroceder e procurar entender como conseguiu fazer isso. Algumas pessoas passam por essa experiência repetidas vezes. O corpo mental começa a mudar profundamente sua forma de perceber as coisas.

Um grande número de pessoas abandona o planeta no sexto nível do Corpo de Luz, pois ele passa a ser extremamente desagradável para a maioria delas. ‘’Será que eu quero estar aqui?
Olhar para tudo isso? Desejo realmente participar desse processo?’’ Muitas pessoas optam por retirar-se. Tudo bem. Elas viverão esse processo em outra vida. Elas não têm que vivê-lo em todas as vidas. Em geral, se ajudarmos alguém a superar o quinto e o sexto nível, a pessoa passa a ter força para enfrentar os maiores desafios. Se ela escolhe não deixar o planeta nesse ponto, ela normalmente participa de todo o processo.
Seja gentil com seus semelhantes. Essa é uma etapa muito difícil, pois nela todo o senso de identidade é reestruturado.

Quando vocês encontrarem pessoas na rua e elas lhe perguntarem: ‘’O que está acontecendo com você? Você parece estar ótimo.’’

Informe-as de que o planeta está ascendendo para a Luz, de que estamos em processo de ascensão. ‘’Se você quiser saber mais sobre isso, eis aqui alguns bons livros para ler, ou algumas pessoas que você deve procurar. Se tiver necessidade de falar sobre isso, aqui está o número de meu telefone.’’ Ajude as pessoas ao seu redor.

No sexto nível do Corpo de Luz, é comum a pessoa passar por uma reavaliação que é extremamente penosa.

Quero ficar aqui?
Quero viver?
Quero participar disso tudo?

E essa fase pode ser muito dura. A pessoa odeia o trabalho, sua vida, odeia tudo e todos ao mesmo tempo. No sexto nível, vocês percebem que muitas pessoas começam a sair da vida de vocês.

É um período em que existe a probabilidade de vocês mudarem de emprego, casar-se, separar-se, mudar seu círculo de amizades, pois ocorre uma mudança radical no seu propósito de vida e vocês têm a sensação de que estão perdendo o medo de mudar. Se vocês resistirem às mudanças, o sexto nível pode prolongar-se por até um ano e ser extremamente difícil. Mas a maioria das pessoas aprende com bastante rapidez a relaxar e a deixar que a vida flua livremente.

Outras pessoas, que estão mais em sintonia com o propósito de vida de vocês, começam a fazer parte da sua vida. Essas pessoas trabalharão com vocês em grupos.

O afastamento das pessoas com as quais vocês conviviam por motivos kármicos ou por obrigação, pode ser um pouco assustador. 

Mas se vocês respirarem profundamente e disserem: ‘’Desejo a você tudo de bom e que seja feliz. Nos veremos da próxima vez’’, descobrirão que logo começarão a aparecer na vida de vocês as pessoas com as quais vocês vieram de fato se encontrar neste mundo. 

Isso compensa todo o trabalho, e a vida começa a ficar divertida.

Normalmente, entre o sexto e o sétimo nível do Corpo de Luz, vocês passam pelo que chamamos de descida do Espírito. Isso quer dizer que a maior parte do que vocês são nas dimensões superiores passa a habitar o corpo físico. Isso muda tudo radicalmente.
Vocês sentem como se tivessem atravessado um túnel.

Vocês vieram de uma situação em que diziam: ‘’Talvez exista um Espírito e talvez eu tente segui-lo’’ para a seguinte: ‘’Sei, em cada célula do meu ser, que sou o Espírito em ação neste planeta.’’

E vocês dão início ao que chamamos de transição emocional para aprender a ser a amplidão do Espírito. Cerca de um terço da estrutura do Corpo de Luz encontra-se nesse momento iluminado no corpo etérico. Vocês podem se sentir muitas vezes como se fossem uma luz radiante, experiência extremamente emocionante. A maior parte do tempo, durante o sétimo nível do Corpo de Luz, os olhos das pessoas mudam. Vê-se um nível mais profundo de Luz irradiando dos olhos delas.

Vocês e as pessoas que fazem parte da sua vida começam a se relacionar de modo não-linear e passam a ter lampejos de telepatia. Começam a ter instantes de comunicação em níveis em que se comunicam o tempo todo, mas de que não têm consciência.

Vocês sempre tiveram o dom da telepatia e da clarividência. Sempre foram multidimensionais. Mas o corpo mental e o cérebro mantiveram esses dons afastados da vida de vocês. Agora, as barreiras estão caindo e vocês começam a tomar contato com o que sempre existiu. As coisas começam a parecerem normais.

Chega um ponto em que não existe mais a reação de surpresa e de descoberta, não é mais como o acender da lâmpada, mas simplesmente: ‘’Estou aqui. Eu sou/existo. Estou inteiramente aqui e agora.’’ Vocês se tornam a dança prazerosa que dançam com o Espírito

Parece que o planeta inteiro e sua população estão passando por uma completa reavaliação. A polarização das energias está ocorrendo em níveis cada vez mais altos. É quase como se o volume de energia estivesse sendo aumentado. A polarização planetária está ficando cada vez maior. E vocês perceberão que aqueles que estão começando a viver o Paraíso na Terra moram ao lado daqueles que estão vivendo o Inferno na Terra.
Gostaríamos de lembrar-lhes que todos os seres são Mestres divinos multidimensionais.

Gostaríamos que vocês aprendessem a ter compaixão, o que não tem nada a ver com co-dependência do tipo: ‘’Deixe que eu tome conta de você!’’

Compaixão é a disposição de fazer o que for preciso para ajudar alguém a dar seu próximo passo. Isso, às vezes, exige passar uma rasteira em alguém; outras vezes, significa um chamado de despertar ou um empurrão; e com muita frequência, envolve amar a pessoa em sua totalidade, tanto suas partes já despertas como as que permanecem adormecidas. Lembrem-se de que o primeiro estágio da Missão foi adormecer.

Respeitem aqueles que dormiram bem.

Muitos Obreiros da Luz têm medo do que continua adormecido em si mesmos. Comecem a desarmar essa peça específica do padrão de hostilidade. Naturalmente, vocês passarão a querer servir ao Espírito e à vida e se alegrarão com isso. Mas entendam como esse período foi e é difícil para muitas pessoas.

Examinem o nível de reavaliação em que elas estão e entenderão porque dizemos que esse período é o que determina se uma pessoa concluirá ou não esse processo. Esse é o ponto em que muitas pessoas têm que decidir se desistem ou se seguem em frente.

O Sétimo Nível do Corpo de Luz
No sétimo nível do Corpo de Luz, vocês começam a entrar nos estágios emocionais do Corpo de Luz; a tornar-se cada vez mais receptivos ao chakra do coração. À medida que vocês se abrem para o coração, surge um sentimento de ligação com o planeta: a sensação de se estar apaixonado por ele.

Algo do tipo: ‘’Se eu não abraçar esta árvore, vou ter um troço!’’

Um espírito brincalhão começa a surgir no sétimo nível do Corpo de Luz e o comportamento reflete um pouco mais da criança que existe em vocês.

Nessa altura, se vocês tiverem bloqueios no corpo emocional, eles começarão a aparecer porque, quando vocês começam a expressar a divindade e a amplitude que lhes são peculiares, os bloqueios começam a se dissolver. Parte desse processo é divertido e parte não é. Depende de quanto controle o corpo mental quer manter. Se o corpo mental estiver em sintonia, a dissolução desses bloqueios ocorre naturalmente de maneira rápida e fácil.
É possível que vocês fiquem muito mais emotivos enquanto passam por esse nível e que emocionalmente se sintam como se fossem crianças: quando estão tristes, choram; quando estão com raiva, gritam; e quando estão contentes riem.

Expressam o êxtase ou qualquer outra emoção pela qual estejam passando por meio do corpo emocional. Começam a estar PRESENTES como nunca estiveram. Vocês sabem que, no jogo kármico, o corpo mental vive no futuro, ele está sempre no ‘’o que aconteceria se’’. O corpo emocional vive no passado, reagindo de acordo com as experiências anteriores.

Portanto, vocês raramente sentem o que está ocorrendo no momento. No sétimo nível do Corpo de Luz, vocês começam a sentir o AGORA. Uma sincronização maior entre os diferentes planos permite que vocês tenham períodos mais longos de plena experiência do presente – a sensação que isso proporciona é muito boa.

Quando o corpo emocional liberta-se de todo o condicionamento antigo, torna-se inevitável que muitos relacionamentos cheguem ao fim.

Com o corpo emocional liberto de todas as antigas idéias acerca da realidade e de todos os apegos emocionais do corpo mental, os relacionamentos começam a mudar muito rapidamente.

No sétimo, no oitavo e no nono níveis do Corpo de Luz, as relações pessoais se transformam naquilo que chamamos de ‘’transpessoais’’. Isso quer dizer que elas não se fundamentam mais no apego emocional, baseiam-se, isto sim, na intuição que lhes diz se o Espírito está ou não guiando vocês para aquela pessoa naquele determinado momento. É um modo muito diferente de se relacionar.

Quando a pessoa se encontra no nono nível do Corpo de Luz, ela atua normalmente dessa forma a maior parte do tempo. Ela pode, às vezes, parecer ‘’fria’’ para os outros, por não usar armadilhas e chantagens emocionais.

Atitudes do tipo ‘’Não vou chantageá-lo’’ e ‘’Não vou cair na sua armadilha’’ podem deixar as outras pessoas extremamente irritadas. Isso faz parte do processo para o Corpo de Luz; da etapa em que a pessoa passa dos relacionamentos kármicos para os não kármicos, ou seja, para os relacionamentos orientados pelo Espírito.

No sétimo nível do Corpo de Luz, o chakra do coração passa a funcionar de uma forma muito mais ampla do que estava acostumado.

Muitas pessoas sentem dores no peito que, provavelmente, não significam uma angina. A sensação não é a mesma do ataque cardíaco, porque provém do centro do corpo e irradia-se para fora.

É a porta do chakra do coração abrindo-se. Se a pessoa está em estado de meditação e quer passar para outras dimensões, ela pode entrar diretamente no seu próprio chakra do coração.

Neste planeta, o chakra do coração tem uma membrana que o envolve e que chamamos de Portal do Éden.

Todos vocês conhecem aquela lenda maravilhosa em que Adão e Eva são expulsos pelo Portal do Éden e um anjo com uma espada flamejante os impede de retornar.

É a membrana do chakra do coração que bloqueia a passagem para as múltiplas dimensões. Sua finalidade é manter essa passagem fechada.

Nada do que ocorre no plano físico pode passar para o plano astral, para que não afete nenhum outro plano além dele mesmo.

Em parte, o modo de impedir que isso aconteça é fechando parte do chakra do coração e, consequentemente, impedindo-o de ter experiências multidimensionais. Essa membrana é aberta agora em todos os habitantes deste planeta. O chakra do coração tem seu funcionamento alterado e começa a abrir-se para níveis cada vez mais profundos.

É possível entrar em qualquer dimensão através do chakra do coração: tudo está dentro de vocês. O chakra do coração começa a funcionar de outra forma e passa a predominar sobre os outros chakras.

A maioria dos chakras tem atualmente a forma de um cone estreitado no centro e apresentam um movimento giratório. Mas isso também está mudando. Primeiro, eles passam a assumir a forma esférica e a irradiar-se em todas as direções ao mesmo tempo. Depois, quando o chakra do coração se torna o chakra predominante, ele começará a abrir-se por inteiro, fazendo com que o sistema de chakras funda-se naquilo que chamamos de chakra unificado.

Trata-se de um campo energético unificado. A sensação é maravilhosa. Ao realizarem a  Meditação do Chakra Unificado (clique), vocês estimulam o processo do Corpo de Luz.

Quando estimulam a fusão dos chakras vocês também estimulam os corpos energéticos – emocional, mental e espiritual – a fundirem-se num único campo energético.

No sétimo nível do Corpo de Luz, os chakras são levados a se fundir de uma forma totalmente nova. E vocês começam a perceber que, nas ocasiões em que o medo da morte reaparecer, se as emoções estiverem bloqueadas, isso significa que esses campos se desuniram. Isso é uma ilusão, embora a experiência pareça real. Tudo o que vocês precisam fazer é reunir os corpos, tornando a fundi-los, para que os medos desapareçam.

A unificação dos chakras é muito importante para que vocês cheguem ao Corpo de Luz, uma vez que ela permite que vocês lidem com qualquer quantidade de energia (por maior que seja) através do corpo físico, sem causar qualquer dano: o corpo inteiro a suporta.

Haverá momentos em que, se o movimento dos chakras não estiver sincronizado, ao entrarem em contacto com uma parte maior de si mesmos, vocês sentirão como se tivessem enfiado o dedo numa tomada.

É como se a corrente fosse apenas de 20 volts enquanto vocês tivessem 400 percorrendo o próprio corpo. Quando vocês fazem uso da energia unificada dos chakras, isso não acontece mais, pois conseguem lidar com ela em todos os níveis.

As glândulas pineal e pituitária começam a abrir-se no sétimo nível do Corpo de Luz e vocês podem sentir uma pressão na testa ou na parte de trás da cabeça.

Quando a glândula pituitária está funcionando no seu nível máximo, a pessoa não envelhece nem morre. Portanto, é muito comum que as pessoas no sétimo nível do Corpo de Luz comecem a parecer realmente mais jovens. A energia delas transforma seus rostos e as rugas desaparecem. A glândula pineal atua multidimensionalmente. Uma das experiências relatadas é a sensação de uma picada gelada, de uma dor aguda no topo da cabeça.

Muitos de vocês com certeza já ouviram falar da terceira visão. Pois bem, há também algo chamado de quarta visão, bem no topo da cabeça; trata-se da visão multidimensional.

Está situada na chamada moleira, aquele ponto que nunca endurece na maioria das pessoas. Em algumas pessoas, essa visão abre-se facilmente; trata-se simplesmente da visão multidimensional que se abre no seu devido tempo. Em outras pessoas, é como se ela tentasse se abrir, mas batesse contra algo. Pode ser um obstáculo situado no corpo etérico.

Quando esse obstáculo é removido, vocês sentem que a visão se abre.

A pessoa começa, portanto, a ter essas estranhas sensações. Pode começar a tomar consciência de si mesma em outras dimensões ou em outros corpos no planeta, o que é muito interessante. Chamamos a isso de concomitância.

A grande maioria das pessoas tem doze contrapartidas de si mesmas, em outros corpos nesta realidade paralela, neste momento e neste planeta, vivendo vidas totalmente diferentes da que elas podem estar vivendo.

Elas podem tornar-se um pouco mais conscientes de si mesmas em outros corpos. Quando isso começa a ocorrer as pessoas acham que estão se lembrando de vidas passadas, o que também é possível. Mas com mais frequência, as pessoas estão conscientes de si mesmas na realidade paralela.

Muitas pessoas encarnam em corpos de golfinhos e baleias.

Consequentemente, vocês podem ter, por alguns momentos, a sensação de estar na água ou de sentir uma fluidez através e em volta do corpo, experiências que lhes são incomuns na forma humana. É claro que os golfinhos e as baleias constituem outras espécies sensíveis deste planeta.

Eles também são Obreiros da Luz, que estabelecem as redes mentais grupais deste planeta.


No sétimo nível Corpo de Luz, a consciência da maioria dos seres opera em grande parte de forma quadridimensional: ‘’Não apenas vou ascender amanhã, como vou curar este planeta. Vou sozinho salvar este planeta e os pobres coitados que vivem nele. Vou fazer isso. E vou arrastá-los todos para a Luz.
Vou protegê-los de si mesmos e libertá-los de seus karmas. E vou resgatá-los das forças das trevas.’’ Os seres no sétimo nível do Corpo de Luz costumam identificar-se como agentes de cura ou pessoas que se propõem a despertar ou salvar a si mesmos, os outros ou o planeta.

Na verdade, ele estão cumprindo suas mônadas kármicas. Demora um certo tempo até compreenderem que muitas partes de vocês continuam vivendo na dualidade. Vocês podem estar querendo que o planeta ou as pessoas fiquem doentes para que vocês possam curá-los, que se percam para que possam salvá-los, ou adormeçam para que possam despertá-los. Enfim, vocês podem estar querendo que as pessoas não estejam perfeitamente bem.

No sétimo nível, desenvolve-se o conhecimento de que todos os seres são mestres multidimensionais. Podem ser mestres que estão desenvolvendo a sua divindade ou mestres que estão se empenhando em vencer suas limitações, mas são assim mesmo mestres.

Cada um está fazendo exatamente o que quer e dando o melhor de si. Se a pessoa passou a vida protegendo e tomando conta de todo mundo a seu redor, essa é uma revelação profundamente libertadora. A partir daí começa a achar muito bom simplesmente deixar que os outros vivam seus próprios processos.

Esse é um momento em que a maioria das pessoas é acometida por uma boa dose daquilo que é chamado de arrogância espiritual e de ambição espiritual.

No corpo físico, imagens da realidade em que elas são totalmente separadas de Deus são mantidas em camadas profundas de vergonha ou culpa. Quando as pessoas começam a ter acesso ao seu lado multidimensional e ainda não integram o corpo físico, elas procuram negar as idéias que têm da realidade.

As pessoas muitas vezes adotam fórmulas e regras espirituais. Procuram dizer, vestir e fazer tudo o que é ‘’certo’’ espiritualmente, comer os alimentos ‘’certos’’ e suprimir ou negar qualquer parte delas mesmas ou dos outros que não corresponde ao ideal. O corpo mental está acostumado a seguir fórmulas e regras, e procura arduamente encontrar uma forma de seguir o Espírito.

A arrogância espiritual é um mecanismo de defesa do corpo mental contra os ‘’sentimentos de vergonha e desvalor guardados no corpo físico.

‘’Sou espiritualmente desenvolvido (e Você não).
Sou um dos 144.000 guerreiros do arco-íris (e você não).
Vou passar por um ritual de iniciação no próximo sábado (e você não).
Vou para o céu (e você não).’’

A arrogância espiritual é, por natureza, exclusivista.

A ambição espiritual é uma defesa do corpo mental contra os sentimentos de culpa e de incompetência mantidos no corpo físico. As pessoas acometidas de ambição espiritual vivem manipulando os outros para conseguirem o que querem.

Tudo tem que ser ‘’o melhor’’, ‘’o mais elevado’’ e ‘’o mais avançado’’.

Muitas vezes, uma diferença de opinião ou de comentário de que elas não conhecem determinada coisa são tomadas como um ataque ao seu vasto conhecimento. A ambição espiritual é caracterizada por uma insatisfação lamuriosa e pelo hábito de atribuir culpa nos outros. ‘’Tive uma idéia maravilhosa e se você concordasse em me ajudar, eu poderia realizar meu Propósito Divino. É por sua culpa que não estou vivendo o Paraíso na Terra.’’ ‘’Suas idéias de pobreza estão interrompendo o nosso fluxo de prosperidade. É por sua culpa que estou sem dinheiro.’’ ‘’Por que você criou isso na sua vida? (Por favor, negue o que está acontecendo com você para que eu possa me sentir bem. Se você fosse mais desenvolvido espiritualmente, isso não teria acontecido. Portanto, a culpa é sua)’’.
A arrogância espiritual e a ambição espiritual são fortes defesas do ego. À medida que o Espírito vai revelando quem vocês realmente são, ou seja, mestres divinos multidimensionais, o corpo mental e o emocional procuram apreender essa verdade pessoal tentando defini-la e se apegar a ela. O corpo físico costuma ignorar a revelação feita pelo Espírito ou simplesmente não aceitá-la. Todo mundo lança mão dessas defesas em algum momento do sétimo, do oitavo e do nono nível.

No sétimo nível do Corpo de Luz, muitas pessoas sucumbem a um padrão de comportamento maníaco-depressivo. Em determinado momento declaram, ‘’Sou um ser divino multidimensional’’ e, no minuto seguinte, proclamam a própria inutilidade: ‘’Não consigo fazer nada certo!’’ elas ficam oscilando entre o sentimento de Unidade multidimensional e o sentimento de separação contido no corpo físico.

O paradoxo de ser tão amplo e, ao mesmo tempo, estar num corpo físico, baseado na matéria, é simplesmente incompreensível. Oscilar entre os dois extremos é uma tentativa de resolver o paradoxo.

Mas isso não é possível. Procurem sentir os dois pólos simultaneamente. Deixem que ambos estejam inteiramente presentes. No final do sétimo nível do Corpo de Luz, ou pelo menos no nono nível, as pessoas já começam a compreender esse processo e descobrem que podem ser felizes mesmo vivendo um paradoxo.
Vocês começaram seguindo o Espírito. Quando estão no sétimo nível do Corpo de Luz, há uma sensação de estar quase alcançando-o. Vocês estão começando a agir de acordo com o Espírito na vida quotidiana. Vocês percebem que os medos corriqueiros são mais intermitentes.

Há dias em que vocês se sentem como crianças, gostam de tudo e tudo vai bem, e outros em que os medos chegam ao ápice. Vocês se sentem como se fossem duas pessoas diferentes. Descobrirão, à medida que avançarem nesses níveis do Corpo de Luz, que a dualidade tende a desaparecer. Descobrem que ‘’vocês’’ passam cada vez mais tempo em estado de êxtase. E descobrem que é possível viver nesse estado.

Um dos maiores medos do corpo mental durante essa transição é ‘’não ser capaz de viver no plano físico se de fato se tornar um ser multidimensional’’. Vocês percebem que passam cada vez mais tempo conscientes de si mesmos em outras dimensões e em outros corpos neste planeta. Isso é ótimo.
Vocês conseguem viver normalmente mesmo nesse estado; isso requer alguma prática. Vocês começam a se ativar. Toda a percepção que vocês têm começa a mudar e, durante a prática da meditação, é possível que se vejam em outras dimensões.

Talvez se vejam também em outros corpos, neste planeta. Pode haver instantes em que se vêem num outro tempo, simultâneo, mergulhados num AGORA que engloba todos os ‘’AGORAS’’.

Essa experiência é muito interessante, pois então vocês tomam consciência das probabilidades e possibilidades de tudo o que fazem, ao mesmo tempo que vêem todas aquelas linhas de força saindo de vocês. Vocês se tornam mais conscientes das relações que mantêm com os outros e também da profundidade da ligação que mantêm com o Espírito em todos os momentos.

Observamos várias vezes que, no sétimo nível do Corpo de Luz, o sentimento que está por trás de tudo é: ’Vou passar para um nível mais elevado amanhã; estou fora daqui. Vocês estão entrando em contato com partes de vocês mesmos que já se encontram no Corpo de Luz, partes do futuro ‘’eu’’ de vocês.
E isso faz com que fique mais fácil controlar sua maneira de agir. Rapidamente, vocês avaliam tudo o que fazem na vida e descobrem o que é realmente importante: “Muito bem, como já estou caindo fora daqui, posso muito bem fazer o que quero. Posso muito bem divertir-me. Posso muito bem fazer aquilo que alegra o meu coração.”
Vocês descobrem o que alegra o coração de vocês, o que realmente satisfaz. Quando passam para o oitavo nível do Corpo de Luz, vocês descobrem que tudo o que alegra o coração está diretamente relacionado com o seu Propósito Divino neste planeta, e que vocês são parte do Plano Universal.

No oitavo nível do Corpo de Luz, vocês compreendem: “Meu Deus, não vou sair deste planeta assim tão rápido, ficarei aqui por um longo tempo.”

Vocês passam a ter um sentimento mais profundo do propósito de servir. E querem fazer o que for preciso para ajudar este planeta a ascender para a Luz.

O Oitavo Nível do Corpo de Luz

No oitavo nível do Corpo de Luz, a glândula pituitária e a pineal, normalmente do tamanho de uma ervilha, começam a crescer e a mudar de forma. À medida que elas aumentam, é possível que vocês sintam uma pressão na cabeça. Talvez tenham dores de cabeça frequentes no decorrer desse processo.
Se tiverem dores de cabeça frequentes e realmente fortes, entendam que a parte de vocês que se encontra nas dimensões superiores e que os está ajudando nessa transição não pode sentir a sua dor física.

Portanto, a primeira coisa que vocês vão querer dizer é: ’Ei, está doendo. Será que dá para fazer parar?’’ Vocês terão que comunicar à parte de vocês mesmos que se encontra na quinta e na sexta dimensão que está doendo.

A primeira coisa a dizer é: ‘’Por favor, libere endorfinas.’’ As endorfinas são anestésicos naturais produzidos pelo cérebro, e aliviam a dor. 

Algumas pessoas prefeririam que as dores fossem fracas e se prolongassem por um mês e meio, enquanto outras prefeririam que fossem fortes, mas acabassem em 24 horas. Descubram o que é melhor para vocês, já que existem momentos nesse processo em que o cérebro aumenta literalmente de tamanho. É possível que o crânio de vocês comece a se expandir.

Vimos pessoas cujos crânios mudaram inteiramente de forma, particularmente em consequência da abertura e do aumento das glândulas pituitária e pineal. Quando a glândula pineal se expande, tem-se também a sensação de que alguém está pressionando com o dedo o local entre as sobrancelhas. Quando a glândula pituitária está aumentando, pode também ocorrer a sensação de que alguém está puxando a parte de trás da cabeça de vocês.
Quando se passa para o oitavo nível do Corpo de Luz, ocorre uma ativação do que chamamos de cristais granulados. Esses três pequenos cristais recebem códigos de Luz das dimensões superiores. Dos cristais estão localizados acima das sobrancelhas, bem na direção das pupilas, quando a pessoa está olhando para frente. O terceiro encontra-se na testa, imediatamente abaixo da linha dos cabelos, na direção da ponta do nariz.
Ocorre também uma ativação do cristal receptor da célula que faz registros (situada do lado direito da cabeça, a cerca de quatro centímetros acima da orelha). Nas dimensões superiores, há uma estrutura chamada cristal da célula de registros.

Essa célula contém grandes quantidades de informação que a alma acumulou ao longo de muitas encarnações em vários planetas e estrelas. Periodicamente, a célula de registros descarrega parte das informações acerca das experiências no cristal receptor. Quando isso ocorre, muitas pessoas sentem uma sensação de formigamento, de ardência ou de um líquido fluindo na região da cabeça onde está localizado o cristal receptor. De repente, as pessoas tomam posse de todas essas informações, sem conseguir entender de onde vieram.

O oitavo, o nono e o décimo chakras são ativados. De três a cinco padrões cristalinos do oitavo chakra entram em sintonia para que os corpos energéticos passem a se mover em espirais de energia. Vocês começam a entrar em contato com a mente multidimensional e a receber o que chamamos de ‘’códigos de Luz’’.
As glândulas pituitária e pineal atuam juntas quando estão abertas, causando o que é conhecido como ‘’Arco da Aliança’’. Trata-se de uma luz em forma de arco-íris que circunda o topo da cabeça, da região em que se localiza a quarta visão até a da terceira visão. Esse é um dos mecanismos de decodificação da linguagem das dimensões superiores.
O funcionamento do cérebro começa a mudar e vocês começam a ter sensações e pensamentos baseados em formas geométricas e sons. Isso pode deixá-los meio confusos, uma vez que normalmente não existe nenhuma tradução para isso. Vocês podem sentir-se impossibilitados de falar sobre isso com as outras pessoas, pois não encontram palavras para expressar o que estão sentindo.
É muito comum entre as pessoas que estão no oitavo nível do Corpo de Luz o medo secreto de estarem com a doença de Alzheimer. Vocês podem ter dificuldade para se lembrar do que comeram no café da manhã ou de planejar o futuro, e isso pode se agravar cada vez mais.

Outra ocorrência muito, comum é não se conseguir formular uma frase coerente e a sensação de que as outras pessoas ao se dirigir a vocês, estão falando outra língua.

É uma espécie de dislexia auditiva. A grande piada com respeito ao oitavo nível do Corpo de Luz é a seguinte: ‘’Para resgatar os 95% do cérebro que não usavam, porque vocês têm de perder o 5% que já usavam?’’

Todos os recursos do cérebro aos quais estavam acostumados podem se tornar inacessíveis, à medida que recursos totalmente novos estão sendo criados. Vocês podem captar muitos sons e ver faixas de luz, de cores, de formas e de movimentos na sua tela mental.

Podem ver letras luminosas em hebraico, hieróglifos ou fórmulas que parecem equações. Trata-se de códigos de comunicação do Espírito.

Nos estágios iniciais, vocês podem não fazer a mínima idéia do que está sendo transmitido, sabem apenas que algo está sendo transmitido. Quando isso ocorrer, devem fazer o exercício de unificação dos chakras e rogar ao Espírito os meios que possibilitam a interpretação. Talvez seja preciso pedir por um bom tempo, mas não devem desistir. À medida que avançam pelo oitavo nível do Corpo de Luz, vocês chegam a um ponto, imediatamente antes da transição para o nono nível, em que a interpretação se torna possível. Tudo o que o Espírito transmitiu nesse período de repente fica claro e pode ser compreendido no nível verbal.

Esse é o momento de ‘’voltar para casa’’. Essa é a melhor maneira que conseguimos expressar o processo. Vocês estão novamente em contato com a mente multidimensional. A multidimensionalidade de vocês torna-se um fato real e inquestionável. Vocês tomam consciência da própria amplitude.

Muitas pessoas vacilam enquanto estão nos outros níveis do Corpo de Luz, dizendo: ‘’Deus, espero que isso seja verdade!’’ É maravilhoso vê-las perceber que esse processo é de fato ‘’real’’.

Então, vocês percebem que podem estar onde quiserem e fazer o que bem entenderem. Desapareceram os últimos vestígios dos vínculos criados por obrigação. Tudo o que vocês fazem passa a ser guiado pelo Espírito. Vocês não precisam mais de nenhuma outra razão. Começam a agir sem precisar de motivos e explicações especiais. Seguem o Espírito a cada sopro de ar que inspiram e a cada passo que dão.

‘’Faço isso porque quero’’. Em vez de, ‘’Faço isso porque é o certo’’. Começam a se comunicar com as pessoas num nível completamente diferente, que chamamos de ‘’transpessoal’’. 

Vocês se relacionam com alguém porque o Espírito os guia até essa pessoa, e verbalizam as palavras inspiradas pelo Espírito.

Nesse estágio, as outras pessoas muitas vezes não sabem como agir com vocês, pois os campos energéticos de vocês mudaram. Todos os ‘’tetraedros’’ que elas usavam para prendê-los não funcionam mais. As pessoas que queiram se relacionar com vocês para coagi-los, manipulá-los ou depender de vocês logo se afastam, porque não conseguem mais se ligar a vocês.

Vocês não atuam mais nesse nível. Há uma serenidade mais profunda que começa a fluir através de vocês e uma alegria maior e mais constante por estarem em contacto com o Espírito. Vocês não vagueiam mais de um lado para o outro, mas permanecem no corpo. Manifestam suas múltiplas dimensões através do corpo.

No oitavo nível do Corpo de Luz, vocês também começam a expandir a consciência, não apenas através das dimensões, mas através dos paralelos. Tornam-se capazes de coordenar a energia através das múltiplas realidades. No início, vocês podem ficar meio desorientados, mas com o tempo torna-se extremamente divertido! Tudo o que vocês dizem ou fazem é inteiramente guiado pelo Espírito. Isso muda totalmente o modo como se relacionam. 

E com certeza muda o caráter das suas relações interpessoais muito rapidamente, o que pode gerar medos totalmente novos, como: ‘’Será que nunca mais vou fazer sexo com alguém?’’ ou ‘’Será que vou conseguir manter o meu emprego?’’ Às vezes, a resposta é um sonoro ‘’não’’.
O oitavo nível é um dos mais transformadores. Muitas pessoas avançam extremamente rápido e sentem como se estivessem ficando loucas. Vocês podem começar a se expressar em versos, totalmente incapazes de falar normalmente, ou falando de trás para a frente. A explicação para isso virá quando vocês se abrirem para as novas linguagens e permitir que elas afetem seus campos energéticos e estruturas celulares.

Deixar que elas literalmente penetrem no DNA de vocês. O Espírito, a essa altura, manifesta-se diretamente através de códigos. Isso envolve também uma mudança no sistema nervoso. Todo o sistema nervoso está passando por uma ‘’regulagem’’ para lidar com os novos níveis de informação.

Vocês podem também sentir que a visão está turva e as reverberações nos ouvidos tornam-se tão fortes que vocês têm dificuldade para ouvir. Os nervos dos olhos e dos ouvidos e, na verdade, de todos os sentidos, estão sendo obrigados a processar uma quantidade de informações muito maior do que antes.
Consequentemente podem surgir ocasionalmente falhas no funcionamento do cérebro. Sejam pacientes com vocês mesmos e também com as pessoas a sua volta. Mantenham o bom humor, pois haverá dias em que tudo isso parecerá muito divertido.

Outra ocorrência muito comum no oitavo nível do Corpo de Luz é a arritmia dos batimentos cardíacos.

Isso ocorre porque o sistema circulatório da quinta dimensão (chamado de sistema axial) está sendo ativado e o coração pode estar recebendo dois tipos de impulsos elétricos. Isso prossegue até alcançar um ponto em que o sistema axial e o sistema nervoso autônomo fundem suas funções e o coração passa a funcionar basicamente a partir dos impulsos do sistema axial.

O oitavo nível do Corpo de Luz é uma experiência incrivelmente interessante. Quando 95% dos Obreiros da Luz estavam no oitavo nível do Corpo de Luz, eles começaram a desenvolver uma mente grupal e, com isso, a propor metas inteiramente novas em benefício deste planeta.

Isso é comum abrir uma via expressa até a Fonte para toda a espécie humana.

O Nono Nível do Corpo de Luz
Quando vocês passam para o nono nível do Corpo de Luz, vocês começam a entender a linguagem tonal. Vocês passam a reconhecê-la, em vez de ser simplesmente afetados por ela.

Aquelas formas e padrões geométricos com os quais vocês estiveram trabalhando no plano mental passam a ter coerência: transformam-se numa linguagem. Algumas pessoas podem captar ‘’hieróglifos’’ ou o ‘’Código Morse’’ – que são tipos de linguagens da Luz da sexta dimensão. O Espírito está usando essas linguagens para transformar a estrutura da sexta dimensão em um novo padrão adequado ao Corpo de Luz de quinta dimensão.

Vocês estão começando a encarnar a Divindade. A passagem para a sétima dimensão pode ser ativada, causando dores lombares ou nos quadris e uma sensação de densidade na região pélvica. As estruturas de sétima dimensão estão entrando em sintonia com a Mente Suprema de vocês.

Novas estruturas Alfa/Ômega estão se desenvolvendo em volta do corpo físico, permitindo um fluxo maior de energia.

As estruturas etéricas de quinta e sexta dimensão são coordenadas por meio da sintonia da sétima dimensão com a Mente Suprema para receber uma nova Imagem Divina do Adão Kadmon. 

É possível que, nessa altura, vocês sofram mudanças no corpo: podem ficar muito mais altos ou mais magros, maiores ou até desenvolver asas. 

Podem tomar consciência de que têm outras formas além da humana. E começam a integrar as identidades não-humanas com a identidade humana. Esse é o momento de coordenar todos os níveis que fazem parte de vocês.

Vocês estão traduzindo por si próprios as linguagens da luz e estão conscientes de si mesmos em outras dimensões, seja qual for o modelo que usem. Vocês estão cientes da estrutura cristalina que interliga tudo. Vocês passam a se preocupar muito menos com o que os outros podem estar pensando de vocês no nível pessoal.

O que importa é como vocês estão expressando o Espírito neste momento a cada sopro de ar que inspira e a cada passo que dão. Quem se importa com o que os outros pensam? Eles também despertarão, pois também estão passando pelo mesmo processo. Pois lembrem-se de que esse processo não é uma questão de escolha; se estão encarnados vocês estão em processo de mudança.

A glândula pituitária continua expandindo-se e produzindo mais hormônios de crescimento. Em algumas mulheres pode ocorrer uma deficiência nos níveis de estrogênio. Elas podem sentir-se exaustas, deprimidas e desinteressadas. A menstruação pode se tornar irregular ou surgir alterações no fluxo.
Portanto, quando iniciarem a transição para o nono nível do Corpo de Luz, vocês darão início a uma mudança radical no ser multidimensional que são. Vocês estão tornando real e manifesto neste planeta o mestre que são.

Nós vemos vocês todos como mestres; cada um de vocês é um mestre. Vocês vieram para este planeta para vencer as limitações impostas pela separação. Vocês realizaram um trabalho excelente! Agora o jogo está mudando para que vocês realmente passem a ser o que são em toda a sua amplitude. Quando olhamos para vocês, nós sabemos quem vocês são, em todos os níveis de existência.

Vocês fazem idéia de quanta energia é preciso para mantê-los com essa ilusão de que são limitados e separados do Todo? Uma enorme quantidade de energia. Bem, vocês não precisam mais fingir. Todas as amarras se soltaram. Vocês têm toda a permissão e total apoio para manifestar a própria divindade.
Normalmente, ocorre um grande retrocesso no começo do nono nível do Corpo de Luz e também no final dele. Pois, no terceiro, no sexto e no nono nível, vocês passam por uma grande reavaliação. O nono nível pode ser um dos mais difíceis, pois é nessa etapa que vocês começam a render-se totalmente ao Espírito. Vocês descobrem que, pessoalmente, não controlam nada.

E percebem que nunca passaram de um instrumento divino. Vocês são ‘’o Espírito em ação’’.

É o Espírito que determina quanto dinheiro vocês têm ou deixam de ter; o rumo que a vida profissional de vocês está tomando ou se vocês vão conseguir ou não um emprego.

O Espírito determina tudo: vocês são um instrumento divino. Trata-se da dissolução do ego, a reta final rumo ao despertar.

Essa pode ser a experiência de maior êxtase e, ao mesmo tempo, de maior sofrimento pela qual vocês passarão. Foi para chegar a ela que a maioria das pessoas se empenhou, ao longo de muitas vidas. Mesmo assim, chegar a esse limiar pode ser assustador. O êxtase que os aguarda do outro lado dessa passagem não pode ser descrito em linguagem humana. Eu estou canalizando através deste corpo agora, mas vivo naquele estado o tempo todo.

Jamais estou separado da Fonte: eu sou a Fonte. É isso que é oferecido a cada um de vocês, o que não significa renunciar a todos os níveis do ser. É no nono nível que ocorre essa entrega, entrega e êxtase.

Bem, até certo ponto, o livre-arbítrio é uma realidade absoluta, mas, por outro lado, é uma completa ilusão. É o que os nossos amigos da Missão Terra chamam de ‘’desilusão’’. Ele é parte vital do processo do Corpo de Luz, porque significa o abandono final do ‘’ego’’, como vocês o concebem.

Na nossa maneira de ver, o corpo mental, emocional e espiritual de vocês são simples instrumentos do Espírito.

Eles não têm consciência própria. Faz parte da ilusão da separação a crença de que o ego tem o controle. Esse é o nosso ponto de vista e vocês têm todo direito de discordar. Neste exato momento, quando a maioria de vocês se encontra no nono nível do Corpo de Luz, o Espírito está começando a impulsioná-los rumo ao despertar. A identidade de vocês já está mudando, assim como o contexto em que vivem. Deixem que isso ocorra. Rendam-se a isso. É a resistência que torna a experiência mais dolorosa.

Sigam o Espírito a cada lufada de ar que inspiram e a cada passo que dão. Deixem que a amplitude que os caracteriza se manifeste e vocês estarão exatamente onde precisam estar, com quem precisam estar e fazendo o que precisam fazer nesse dado momento. Os medos ligados à luta pela sobrevivência dissipam-se; deixam de ser importantes. Quando vocês manifestam quem realmente são e o que vieram fazer aqui, todas as pequenas ilusões que os importunam perdem a importância e deixam de ser reais.
Os medos podem ressurgir, uma vez que vocês continuam vivendo neste mundo, mas vocês já serão capazes de colocá-los de lado. No terceiro, no sexto e no nono nível, vocês se desligam da realidade consensual. Percebem que voltar a ela é doloroso.
No sétimo, no oitavo e no nono nível, vocês descobrem que estão irradiando luz de maneira totalmente diferente. Os olhos de vocês parecem muito claros e diferentes para as outras pessoas.

Elas se aproximarão de vocês dizendo: ‘’Você parece tão feliz!’’ Lembrem-se de que muitas pessoas têm pânico de se entregar.

Digam a elas: ‘’Sigo o Espírito sem hesitação. É por isso que estou feliz e satisfeito. Sugiro que faça o mesmo.’’

Essa é a coisa mais simples que vocês podem dizer a elas. E isso de fato acontecerá.

Alguns de vocês podem estar cercados de pessoas que vivem a síndrome do que chamamos de ‘’O que aconteceria se…’’ : ‘’O que aconteceria se os pólos se deslocassem e fôssemos parar em Plutão?’’ ‘’O que aconteceria se Denver se tornasse um promontório?’’ ‘’O que aconteceria se fôssemos dominados por alguma espécie de lagarto que quisesse manter os seres humanos em cativeiro para nos devorar?’’
Frequentemente surgem pessoas para importuná-los com perguntas desse tipo. Simplesmente permaneçam centrados no Espírito e saberão exatamente o que dizer nessas situações.
No sétimo nível, muitas pessoas acham que vão ascender para um nível melhor no dia seguinte; que Ashtar virá buscá-las e levá-las em sua nave para longe daqui.

Isso ocorre porque essas pessoas estão estabelecendo vínculos energéticos entre o Eu que se encontra no corpo físico e o que se encontra no Corpo de Luz, que corresponde ao seu ‘’Futuro Eu’’, em termos lineares. Por isso, há uma premência de pôr a vida em ordem. E isso de fato acontece. A pessoa diz tudo o que sempre quis dizer aos outros. Faz tudo o que sempre quis fazer.

No oitavo nível, vocês sabem que vão ficar neste planeta por mais algum tempo e um novo senso de propósito começa a invadi-los. Sabem que estão aqui porque têm algo a fazer e isso os enche de entusiasmo. No oitavo nível, vocês deixam de entrar e sair do corpo a todo o momento.

Vemos que muitos Obreiros da Luz têm acesso a suas múltiplas dimensões, mas não chegam a entrar nesses corpos. Ficam saltando de um lado para o outro. No oitavo nível, eles entram em seus corpos. E se sentem mais concentrados e mais calmos do que nunca. Sabem que não estão malucos porque estão centrados e ancorados em si mesmos.

Tornam-se o que foi denominado ‘’humanidade exaltada’’ à medida que manifestam uma parcela cada vez maior de sua amplitude. Quando chegam ao nono nível, manifestaram sua amplitude quase integralmente, o que faz deles seres notáveis.

No oitavo nível do Corpo de Luz, os chakras superiores estão abertos e ativos. O corpo espiritual já se fundiu com o corpo mental e o emocional, formando um campo unificado. Os padrões do oitavo chakra são colocados em ordem e os campos energéticos começam a funcionar de modo diferente. Vocês estão em contato com a Mente Suprema. E prevalece a sensação de que estão ligados ao Espírito o tempo todo.
Enquanto o nono e o décimo chakras continuam se abrindo, o décimo primeiro e o décimo segundo chakras também se abrem, e vocês se ligam à Mente Crística Suprema.

Começam a atuar a partir dessa qualidade crística do ser, mesmo estando encarnados neste planeta. Capazes, inicialmente, de entrar e sair desse estado, vocês podem achar um pouco incomodo passar da condição de Amor, Vontade e Verdade Divinos para a de um ‘’pobre idiota presunçoso’’ novamente. Mas isso logo passa.

A certa altura, depois de ter atravessado o Limiar do Despertar, vocês começam a atuar a partir do nível crístico o tempo todo. Algumas pessoas preferirão permanecer no nível crístico e esse será o caminho delas aqui. Outras se ligarão à presença EU SOU. Se vocês começarem a atuar a partir desse nível de Divindade, em algum momento do décimo ou do décimo primeiro nível do Corpo de Luz se tornará muito difícil manter a aparência humana. Realmente difícil!

No nono nível do Corpo de Luz, vocês passarão para estados de ser nos quais jamais estiveram. Viverão a experiência de encarnar a própria verdade de vocês, o amor incondicional, bem como a Luz e o poder que lhe são inerentes. Esse estado, chamado de Chama Tripla, existe no coração de todos. É uma chama que se irradia para todas as dimensões. A maioria das pessoas normalmente manifesta com mais intensidade um dos componentes dessa chama.

No término do nono nível, tem início um processo de ascensão – que em geral é muito marcante. 

O ego da pessoa rende-se inteiramente e esse processo é extremamente transformador: é possível que se comece a emitir Luz.
Os três últimos níveis do Corpo de Luz constituem o que chamamos de ‘’níveis espirituais’’.

É quando todos os campos estão unificados, e quatorze chakras estão abertos.

Os campos energéticos estão fundidos e vocês se encontram totalmente ligados à Mente Crística Suprema em todos os níveis do ser. Estão em permanente contato com a presença EU SOU.

O Décimo Nível do Corpo de Luz
No décimo nível, vocês começam a manifestar as qualidades de um avatar. Isso significa que podem estar onde quiserem e quando quiserem.

O teletransporte, o apportation, e a manifestação fazem parte desse nível do Corpo de Luz, pois a pessoa está plenamente consciente de ser una com a Fonte e de ser tudo.

Quando vocês são Tudo O Que Existe, o que vocês são? Vocês são o universo recriando-se de acordo com as idéias que fazem da realidade. No décimo nível do Corpo de Luz, vocês libertam-se dos aprisionamentos e se comportam de acordo com a própria amplitude, de acordo com o que chamamos de Ser Divino, inerente a todos.

Vocês estão em contacto com tudo. Não há nenhuma folha que caia neste planeta sem que vocês percebam, pois vocês são a consciência planetária. Gostaríamos que vocês entendessem que isso significa que esse nível de percepção retrata o caminho que leva à parte mais profunda da consciência humana e para a sua consciência genética humana. Tudo isso tem que ser integrado, ao longo do caminho de volta até ao físico. Ninguém vai permanecer flutuando pelos planos etéricos. Vocês terão que trazer tudo isso de volta para cá.

Portanto, o que começa a ocorrer quando vocês entram em contacto com a Mente Suprema é que os tetraedos duplos de que já falamos trocaram de lado e vocês passam a atuar num campo unificado. As formas geométricas começam a mover-se numa hélice dupla.

No jogo kármico, vocês têm um DNA de apenas dois filamentos, mas no Corpo de Luz, vocês têm um DNA de três filamentos ou mais. O que faz com que o corpo de vocês forme um filamento pentadimensional no centro.

Vocês começam a desenvolver, no interior de suas estruturas energéticas, o que chamamos de ‘’veiculo Merkabah’’. ‘’Merkabah’’ significa ‘’carruagem’’ em hebraico.

O Merkabah é uma estrutura de Luz cristalina que lhes permite atravessar o espaço, o tempo e as dimensões, inteiramente em sua totalidade.

O Merkabah tem consciência própria. Vocês podem começar a trabalhar com ele para viajar para outros sistemas de Origem. Da nossa perspectiva, passar para o Corpo de Luz é apenas uma parte de um processo muito mais amplo. Vemos todos os planos e dimensões voltando a se fundir com a Fonte deste universo, que então se funde com outros sistemas de Origem, e assim por diante, até voltar ao Uno. Esse é um processo gigantesco.

Do nosso ponto de vista, não existe nada mais belo ou magnífico do que as expressões divinas que vocês terão ao regressar. Algumas pessoas voltarão a este mesmo sistema de Origem. Outras voltarão para um outro sistema de Origem. E vocês estão aqui para estabelecer as ligações para que todos esses sistemas se fundam. Algumas pessoas estão aqui simplesmente para levar o planeta adiante, fazendo-o passar para os planos seguintes. Trata-se da ascensão de todos os sistemas dimensionais.
Vocês constroem essa estrutura de Luz cristalina a partir dos planos em que se encontram, com a ajuda do Espírito.

Estamos falando de três diferentes funções: a função Angélica, a Irmandade Espacial, ou função Extraterrestre, e a função do Mestre Ascensionado.

Essas três funções se ajustam. No momento da ascensão, a Irmandade Espacial ligará todos os veículos Merkabah que estão sendo construídos em seus próprios campos, para vincular todo o planeta, formando o Corpo de Luz planetário – construindo literalmente o veículo para este planeta ascender.

O planeta Terra será retirado da terceira dimensão e essa dimensão se extinguirá.

O eixo do Mestre Ascensionado funcionará como um conjunto de guias e navegadores. Eles estão aqui para trabalhar com as coordenadas e levar este sistema para um sistema multiestelar. Esses Mestres servem como navegadores.
Muitos dos Angélicos passarão para o Corpo de Luz, mas outros retornarão à forma de energia pura. Como Angélicos encarnados, nossa energia é o ‘’combustível’’ desse processo.
No décimo nível do Corpo de Luz, vocês começam a viver conscientemente de acordo com o próprio eixo. Todos vocês têm todos os códigos de DNA para exercer todas as funções. A questão é simplesmente saber que parte do processo o Espírito quer que vocês desempenhem desta vez. Nenhum desses eixos é ‘’mais importante’’, ‘’melhor’’ ou ‘’mais avançado’’ do que os outros. Exerçam plenamente a função que lhes for designada.
Décimo Primeiro Nível do Corpo de Luz.
Construída a estrutura do veículo Merkabah, vocês iniciam a passagem para o décimo primeiro nível do Corpo de Luz. É quando vocês decidem se querem continuar no processo do Corpo de Luz e ascender com o planeta, se querem ascender antes do planeta e fazer parte de uma espécie de expedição avançada ou se querem passar para a forma de energia pura. Isso é decidido no décimo primeiro nível do Corpo de Luz, quando vocês se ligam, através das linhas axiotonais, ao veiculo Merkabah de dimensão superior.
As linhas axiotonais, são parte da estrutura materializada do Corpo de Luz de vocês, mas elas também ligam vocês a outros sistemas estelares e a outros universos.

Essas linhas de Luz, localizadas ao longo dos meridianos físicos da acupuntura, estão ligadas ao corpo físico de vocês através de algo conhecido como ‘’pontos giratórios’’ a estrutura do Corpo de Luz tem muitas linhas de Luz que se cruzam, formando belas formas geométricas. Ao longo do processo de mutação, forma-se um sistema circulatório totalmente novo de quinta dimensão.

A regeneração das células é efetuada por meio dos pontos giratórios axiotonais e vocês são reestruturados no nível molecular. O Espírito cria e fortalece essas estruturas por meio de todos os níveis do Corpo de Luz, preparando o corpo físico de vocês para receber o veículo Merkabah maior.

No décimo primeiro nível do Corpo de Luz, todas essas estruturas já estão firmemente estabelecidas e plenamente ativadas.
Vocês poderão notar que o tempo se acelera, e continuará se acelerando até tornar-se simultâneo. Por isso, vocês muitas vezes terão a sensação de estar em todos os lugares ao mesmo tempo, de estar no tempo simultâneo e de voltar ao tempo linear. Vocês se acostumarão com essa passagem de um tempo para o outro.

Quando a maioria das pessoas deste planeta estiver no décimo primeiro nível do Corpo de Luz, o planeta não estará mais no tempo linear, mas na simultaneidade.

Vocês acharão essa mudança um bocado divertida, pois perceberão que as ‘’vidas passadas’’ não passam de uma piada: vocês têm várias vidas e todas elas têm ressonâncias.

Cada vez que vocês optam pela Luz em qualquer um dos paralelos, essa opção afeta cada uma das vidas que vocês já ti vera m. Tamanho é o poder que tem a Luz. Quando uma pessoa opta pela Luz em determinada vida, isso afeta todo o planeta através do tempo e de todos os paralelos. Existem de sete a oito milhões de Obreiros da Luz encarnados apenas neste paralelo.

Que efeito vocês acham que ele causa? O que vocês acham que ele pode fazer? Qualquer coisa que quiserem, desde que sigam o Espírito.

No décimo primeiro nível, vocês estão vivendo inteiramente a partir do ser Divino de vocês e não existe nenhuma separação. Lembram-se do tempo em que vocês, nos níveis inferiores, seguiam o Espírito em tudo o que faziam? Bem, vocês conseguiram! Tiveram algumas dores de cabeça e gripes durante o processo, mas agora têm a recompensa!
O que vocês mais gostam de fazer no mundo é a chave para descobrir o papel que lhes cabe no Plano Divino. Muitos de vocês têm habilidades e capacidades de percepção muito especiais para ajudar o planeta.

Talvez vocês sejam especialistas em diplomacia intergaláctica, em novas estruturas familiares, em novas formas de governo, ou em novos métodos de distribuição de alimentos e de outros recursos em escala global.

Talvez o que alegra o coração de cada um de vocês seja criar novos tipos de vida comunitária, novos rituais para manifestar uma espiritualidade ativa, novas tecnologias com base na Luz ou novos tipos de expressão artística.

No décimo segundo nível do Corpo de Luz, vocês vão manifestar a visão que têm do paraíso na Terra e expressar o êxtase do Espírito.
O Décimo Segundo Nível do Corpo de Luz
No décimo segundo nível do Corpo de Luz, vocês colocam em prática a decisão que tomaram com relação ao que fazer, que pode ser entrar em contacto com outros povos do planeta ou qualquer outro tipo de coisa.

Muitas estruturas precisam ser estabelecidas antes da ascensão final deste planeta: novos conselhos de estado, novos métodos de governo, enfim todo tipo de coisas. E vocês estão fazendo tudo isso precisamente agora, e simplesmente por estarem aqui. 

Lembrem-se de que estão atuando em simultaneidade e simplesmente tornando-se cada vez mais conscientes disso. E estão fazendo isso agora. Isso já ocorreu, portanto, ocorrerá. Um planeta começa a ascender no momento em que é criado.Nada se perderá.

Toda a história planetária está no registro Akáshico; portanto, vocês não precisam guardá-la na memória do corpo.

Como vocês podem ver, nem toda escolha que se faz está de acordo com a vontade do Espírito; a escolha de acordo coma vontade do Espírito sempre acabará ocorrendo, mas é criada uma realidade paralela para respeitar a outra escolha. 

Portanto, existem quatrilhões de realidades paralelas.

Haverá, portanto, um momento em que todos esses paralelos vão se fundir e restará apenas o caminho do Espírito desde o momento da criação.

O jogo kármico jamais existiu a não ser nos registros. Não existe em vocês e vocês não precisam carregá-lo consigo.

Vocês não o carregam no corpo nem na mente nem no coração. Que coisa fantástica! É assim que se faz a ascensão de um planeta. Vocês tecem as tramas dele novamente. Cada um daqueles pontos do AGORA contribui para o tecido que forma aquilo que poderíamos chamar de espaço-tempo.

Do nosso ponto de vista, vemos linhas que descem até cada um desses pontos, através de todos os paralelos, como se fossem ‘’ganchos’’. A dimensão é ‘’alçada’’ através do tempo.

Assim, quando vocês passam do décimo primeiro para o décimo segundo nível do Corpo de Luz, ocorre a última ativação do Plano Divino para o planeta Terra. Este planeta passa para a Luz, sai dessa dimensão e é levado para um sistema multiestelar.

Todos estão no Corpo de Luz e seguem o Espírito, reconhecendo sua soberania e poder absolutos. Então, todo o caminho de volta torna-se a expressão do regresso, em todos os níveis da identidade e do ser de vocês, à medida que regressam e passam pela experiência da Fonte.