CO-CRIAÇÃO CONSCIENTE E RESPONSÁVEL

Para que se aborde este assunto é preciso antes compreender alguns conceitos.
O ser humano é um co-criador
Todos nós, seres humanos ao pensar e sentir, estamos constantemente co-criando com o Universo. Criamos a partir do princípio que, sempre quando pensamos e sentimos estamos gerando formas-pensamento-sentimento em outros planos dimensionais.
Por exemplo: Lembre-se de um fato que tenha sido muito bom para a humanidade.

Ao fazê-lo você criou no plano mental da 5ª dimensão (a dimensão onde atuam os pensamentos) uma imagem.

A mesma que imaginou. 

Automaticamente esta lembrança desencadeou algumas emoções (à partir da 4ª dimensão – plano emocional), emoções que se acoplam automaticamente à forma que imaginou, Como se cada sentimento tivesse uma etiqueta de destinatário, que é dada pelo pensamento do momento.
De acordo com a qualidade da freqüência emocional, esta forma-pensamento-sentimento se estabilizará na 4ª ou 5ª dimensão
Ao pensar na humanidade, à direcionou para o plano coletivo, ou para qualquer coisa ou pessoa na qual você possa ter pensado no momento. É assim que estamos criando, o tempo todo.

Amando, odiando, julgando, acolhendo… O tempo todo, toda a humanidade está co-criando e jogando nos planos sutis suas criações.
É claro que, em primeira instância, já podemos perceber o porque da situação de nosso planeta estar um desastre.

Simplesmente, porque a maior parte do tempo a humanidade está co-criando de forma irresponsável e inconsequente. E o vem fazendo por milhares de anos.

Grande parte dos fatos que ocorrem em nossas vidas sem causa aparente vem de formas-pensamento-sentimento plantadas em vidas passadas.

Sim, porque ao pensar constantemente de uma determinada forma acabamos por gerar um padrão que vai gerando um auto-condicionamento.

Estas co-criações passam a nos acompanhar vida após vida gerando muitas vezes uma verdadeira bola de neve, mas que pode ser revertida ao recondicionarmos nosssos padrões para um novo patamar.

Porque dizer co-criar e não simplesmente criar?
Acontece que, apesar do ser humano ser tão “criativo” ao criar, estamos utilizando a matéria prima do universo, proveniente da Fonte-que-tudo-é (o que muitos denominariam de Deus).

Esta matéria prima é constituída de átomos que permeiam várias outras dimensões; estando presentes em todo o universo. Estamos falando dos elementais, conhecidos também como “Elementais da natureza”.

O que é ser um co-criador responsável?
É medir previamente as conseqüências de seus pensamentos e emoções. Mas se não for o caso, o que é totalmente compreensível, ao deixar fluir criações desarmônicas (sentimentos de ódio, desavença, etc.) basta sobrepor à elas suas contrapartes harmônicas para neutralizá-las.
E isto já é um trabalho consciente. Mais ainda; é o princípio da evolução ativa, onde se imprime uma força consciente finalmente capaz de neutralizar os impulsos primitivos gerados pela ignorância espiritual do ego.
Ao desenvolver esta atitude consciente até torná-la um hábito, a vida deixa de ser um bate-bate e paulatinamente passa a ser um barco fluindo suavemente por um rio de águas tranqüilas; mesmo que à sua volta tudo esteja uma bagunça.
Ser um Co-criador consciente é deixar de ser totalmente controlado e influenciado pelo ambiente para tornar-se o senhor de seu universo pessoal, onde suas emoções passam a ser um instrumento da harmonia universal.
Se nos perguntassem o que preferiríamos sentir, ódio ou amor? Raiva ou Compaixão? Ira ou Compreensão?; sem dúvida a grande maioria dos seres humanos escolheriam o caminho da harmonia e do amor.
Para começar a trilhar este caminho, o do co-criador consciente; é preciso antes de tudo, que exista essa necessidade no coração. É preciso almejar pela harmonia, sonhar com ela, persegui-la a cada instante. Da mesma forma que um estudante procura sua formatura.
Com doses de determinação e disciplina, é possível avançar aos poucos para um novo padrão de energia ao condicionar paulatinamente seus pensamentos, desprogramando os padrões desqualificados e re-inserindo novos padrões harmônicos.
Para entender melhor o que criamos precisamos saber a respeito de nossa matéria prima, os elementais da natureza, que muitas vezes são confundidos com os gnomos, fadas e outras consciências que habitam o reino dévico do planeta.

Elementais, Gênios da Natureza, e Elementais da Natureza
Para que se entenda esta questão é preciso diferenciar cada um.
Gênios da Natureza: Representam as forças da natureza primordial e secundária, que podem ser usadas pela nossa consciência para gerar energia e Elementais adversos ou harmônicos.

Dentro deste quadro se incluem as Sílfides, Gnomos, Duendes, Salamandras, Ondinas, Silfos, os diversos grupos que estão ligados aos reinos dos Elohins e ao plano DÉVICO do planeta.

Elementais da Natureza: Possuem a mesma qualificação de gênios da natureza com a diferença que neste caso são apenas as energias primordiais atômicas da natureza. A essência que dá vida a um Gênio da Natureza.

Por exemplo, a estrutura atômica do elemento fogo, água, ar e terra têm relação direta com os seres que são formados por esse aspecto básico. A estrutura atômica universal contida na essência Divina de Deus na imanência do Universo multidimensional é um elemental Atômico ou Multidimensional que serve de alicerce e alimento para que os Gênios da Natureza possam existir.

É desse ponto que surge a substância primordial para que nós humanos da Terra possamos gerar as nossas FORMAS PENSAMENTO-SENTIMENTO, que são criações diretas dentro do universo a partir do nosso poder de co-criação que não sabemos usar.

Elementais: Neste caso o que é denominado pelo simples nome ou classificação de elemental, trata-se de uma forma-pensamento-sentimento, criada por um ser humano e direcionada para ponto a partir de uma intenção harmônica ou desarmônica.

Normalmente captamos mais os elementais negativos pelo próprio princípio da nossa vida estressada, onde quase nunca nos harmonizamos, dando assim maior possibilidade a essas energias penetrarem em nosso campo energético pelo efeito de ressonância (lei da atração: um padrão de energia sempre atrai outas do mesmo padrão.

O que somos como pessoa acaba por atrair os relativos elementais para o nosso campo eletromagnético e dessa forma gera um quadro obsessor,que tem relação com o padrão de energia que emitimos e nos sintonizamos no nosso dia a dia. (Uma energia obsessora não pode entrar em nosso campo energético se não houver energia semelhante)
Pontos de maior acoplamento dos Elementais negativos
Não existe uma regra geral devido a cada pessoa possuir um ponto fraco natural.

Em outras palavras, os elementais atuam e atacam nos pontos mais fracos que uma pessoa possui. Assim como as entidades do astral.

Os pontos do corpo que são atacados variam de acordo com a condição natural da pessoa.

Um dos pontos mais comuns é a região da coluna, seja na lombar ou na dorsal, exatamente pelos pontos de sucção de energia vital, da coluna e dos centros de energia que ali estão vibrando, também chamados de Chacras.

A região lombar tem relação com o cóccix e o ponto dorsal com o Chacra Umeral que é um ponto de segurança do cardíaco.

Esses dois pontos são muito comuns de serem atacados e obsediados, além disso, temos a região do plexo solar, sendo que o fígado é um dos pontos mais atacados devido a nossa postura, hábitos e temperamento.

Classificação dos Elementais de Formas Pensamento-sentimento:
1- INVEJA: Vampirizador de energia vital e delapidador dos bens materiais. Atua como elemental de vampirização no Chacra umbilical e plexo solar, mas pode estar normalmente acoplado nas costas da pessoa na altura renal e do umeral..
2- RAIVA: Altamente destrutivo e ígneo provoca doenças e fraqueza física, pode matar, pode atrair muitos desencarnados que ao morreram carregaram com eles muito ódio ou raiva de pessoas ou e situações que não puderam controlar após a sua partida.

Este elemental fica normalmente preso ao fígado e provoca serias anomalias ao funcionamento hepático, podendo gerar inclusive e similares no fígado, que por sua vez, pode atingir a linha gástrica.

3- ÓDIO: Este possui maior força que a raiva, e normalmente é direcionado de forma letal podendo também acoplar desencarnados com alta bagagem de ódio por pessoas e por situações vividas por eles que entram na sintonia dos nossos sentimentos por alguém, ou que alguém tenha mandado contra nós, criando sérios problemas no nosso campo energético e atraindo inclusive magias pelo mal uso do magismo e da religião em nosso passado.

Este gera desequilíbrio geral do processo de divisão celular, o que pode criar em algumas pessoas o início do câncer. Os Chácras do Plexo Solar e Cardíaco são os mais afetados por esse Elemental e ás vezes afeta a coluna e a região cervical.

4- MEDO: Produz fraqueza de caráter, síndromes de pânico e similares, depressão, insegurança e interferências no campo emocional. Este sentimento tem relação também com síndromes e níveis de consciência onde o fanatismo prevaleceu em alguma vida passada, o que passa a ser um profundo fardo negativo dentro da nossa busca espiritual de transmutação que tentamos fazer, o que explica o porque de tantas dificuldades no decorrer do mesmo.

Muitas entidades desencarnadas tentam interferir no nosso caminho devido ao medo do desconhecido e isso acaba por atuar em nosso inconsciente, é um dos elementais mais complexos, pois ele em algum ponto de nossas existências esteve presente e está a atuar em algo dentro do nosso emocional ou mental.

Este elemental ataca sempre a linha do plexo e básico, por que retira energia direta da pessoa e com isso acopla a pessoa as energias mais densas do umbral e normalmente faz com que a pessoa ao dormir seja tragada para as baixas esferas do umbral, onde existe uma parcela dela presa nessa realidade normalmente de vidas passadas, criando assim um círculo vicioso de energias mal qualificadas e instabilidade emocional.

5- CULPA: Gera uma condição de incapacidade e falta de auto-estima altamente destrutiva e compassiva que deixa a pessoa com muitos obsessores suicidas que estão no Umbral, ou em frequências similares pelas suas experiências de vida.

Este é muito similar ao elemental do medo, pois devido aos grandes dogmas religiosos que adquirimos no decorrer da nossa existência, acabamos por ter culpa em relação a algo que não deveríamos ter feito ou acreditamos nisso.

Assim este elemental atrai para o nosso campo eletromagnético muitos obsessores pelo efeito de ressonância que existe entre a intenção, o sentimento e as emanações dele que acabam por atrair seres da mesma equivalência de energia primordial, que as faz ainda estarem presas no Umbral

Transmutando elementais desarmônicos
Um Elemental desarmônico, interage diretamente em nossos corpos ASTRAL, EMOCIONAL e MENTAL INFERIOR e, acaba por enfraquecer os centros de energia do corpo físico material.
Há um amplo espectro de ação desses elementais, que podem levar uma pessoa a potencializar doenças como o câncer, a Aids e muitas outras pelo padrão na qual a pessoa vibra, ainda mais com o elemental de rancor e raiva que destroem as nossas células
Para transmutar qualquer quadro pessoal, é preciso desenvolver atitudes conscientes que sempre procurem gerar elementais harmônicos.
Tudo parte do exercício do perdão para começar a libertar os elementais já criados. Perdoar a si mesmo que a quem quer que seja, incondicionalmente, é o ponto inicial para se livrar das energias de mágoa, raiva, ódio, culpa e quaisquer outras. Este deve ser um exercício diário que pode ser praticado em apenas alguns minutos.
Técnicas como a meditação ativa (visualizando formas harmônicas), merkabas, e mudanças de hábitos pessoais, alimentação, musica, ambientes de convívio, etc. são de extrema importância para mudar os padrões pessoais.

Existem também, muitas outras técnicas para mudar os padrões de energia pessoal abertas para qualquer buscador dentro das mais diversas filosofias.

Quando uma pessoa manifesta um pensamento positivo, ele afasta a ação de vampirização dos Elementais negativos e em muitos casos pode anular a sua ação. Isso porque as energias são contrarias, o que acaba por promover uma neutralização destas forças. 
Como a pessoa é uma usina produtora de formas pensamento e formas sentimento, acaba por superar as ações negativas dos Elementais criados anteriormente, o que ajuda aos nossos anjos da guarda ou amparadores a nos proteger e afastar os aspectos negativos do nosso caminho e campo áurico facilitando nossa vida e a nossa jornada.
Re-configurar nossos padrões de forma-pensamento-sentimento é um dos primeiros passos para o despertar consciencial. 
Mas é preciso entender que o objetivo é adquirir uma paz interior que permita viver em harmonia com o mundo.

Isto implica apenas em parar de reagir instintivamente às energias desarmônicas e começar a responder harmoniosamente, neutralizando a raiva com a compreensão, o desespero com a calma, para deixar de ser um fantoche dos impulsos externos.

Fonte: http://anjodeluz.net/

OBSESSORES ENCARNADOS


Obsessores Encarnados
Eis aqui a pior raça de seres de lidar. 
Estes obsessores são sim humanos e estão encarnados.
Caminham entre nós, estão infiltrados em nossas famílias, em nossos locais de trabalho e estudo, no nosso condomínio, sociedade e por todos os lugares. São sorridentes, nos tratam bem, e falam mal de nós pelas costas. 
Nos parabenizam pelas nossas conquista e nos invejam quando distante de nós. Nos cumprimentam com cordialidade, apertam nossas mãos e batem em nossas costas e depois reclamam, falam mal e nos praguejam. Poucas pessoas estão livres desses seres.
Não podemos desintegrá-los, não podemos mandá-los para a 49a. infradimensão do umbral, não podemos transportá-los para as prisões da Lua, nem presenteá-los aos anunnakis e reptilianos. 
Enfim, as coisas simples de resolver não são válidas para esses seres.
Tendo que aturá-los no dia-a-dia misturados aos nossos familiares, amigos ou em locais que frequentamos sempre, ou até mesmo em perseguição virtual… É preciso ter sempre energia alta próximo à eles. Como neanderthais da espiritualidade, são especialistas em desequilibrar as pessoas, em sugar energias e desencadear todo o mal que for possível com suas simples presenças. 
Não satisfeitos, estes ainda mantém sem padrão de pensamento conectado ao nosso, por dias, semanas ou pra sempre, acorrentando vossas energias, digno de seres que acabaram de descer na árvore, aprenderam a andar, falar e se misturaram na sociedade.
Pessoas sutis geralmente prefeririam morar nos Andes do que lidar com seres assim. 
Dizem que o pior ignorante é aquele que nem sabe que é ignorante. 
Eles são assim e, ainda se acham o máximo, são orgulhosos por tudo o que são. E o que eles são? Nada, absolutamente nada.
Todos de nós da espiritualidade talvez já tenhamos lidados com seres assim.

Esses obsessores estão vivos, porém parecem mais corpos sem nenhum conteúdo intelectual ou espiritual. Um carcaça oca, uma bomba prestes a estourar sua negatividade perto de alguém.
Enquanto for possível manter distância de seres assim, melhor. Se não for, tente fazer com que eles esqueçam que você existe. Que eles não precisem de nada de você nem de você a eles. Mantenha uma distância segura para seu próprio bem e equilíbrio.
Manter sua energia elevada é básico, mas também pedir às Hierarquias para proteger e selar toda a sua casa de suas vibrações. 
Peça para seus mentores, cortar a energia deles sempre que detectada. 
Ainda mais, peça a toda a sua egrégora e à Fraternidade Branca, que limpe a energia desses seres e reequilibre para que eles não venham roubar energia de vocês. 

 Peça, para que eles sejam desdobrados à noite e que sejam esclarecidos nas escolas de Luz dos planos superiores. 

 Peça, para que toda a energia mental direcionada à você seja desintegrada, e que seja desconstruída na origem (eles). Que limpe toda a carcaça do mal desequilibrada que eles possuem e que toda essa energia seja transmutada.
Por mais desagradável que pareça, muitas das vezes eles esbarram conosco para que nós possamos ajudá-los. 
Como o contato verbal muitas vezes se torna impossível, o ideal é direcionarmos nossa Luz para estes seres, na esperança de que essa semente de Luz brote neste solo duvidoso.
É muito mais fácil e válido usarmos nossa Luz para trazer Luz à esses seres, do que eles usarem sua ignorância para desequilibrar nossa vida. 
Portando, não devemos ficar de braços cruzados. Devemos tomar a iniciativa visto que somos seres conscientes e então fazermos aquilo que é nosso trabalho.
Sempre ouvimos historias das Hieraquias que ajudam a Terra mesmo em planos superiores. No entanto, existe muita coisa que podemos fazer aqui, enquanto encarnados. 
Basta que consigamos controlar nossas emoções e manter nosso foco na Luz. Assim, tornaremos nossa jornada mais proveitosa, para nossa evolução e para toda a humanidade.
Unidade em Luz,
Alryom
 Leia também: 

Afaste a Inveja de sua vida


Você já notou que incomoda os outros com seu brilho pessoal e/ou profissional? As pessoas ficam incomodadas com seu jeito de ser e viver? Reparam tudo o que você faz e só criticam? 
Isso lembra a fábula A Serpente e o Vaga-lume:
“Conta-se que uma serpente começou a perseguir um vaga-lume. Fugiu um dia e ela não desistia, dois dias e nada. No terceiro dia, já sem forças, o vaga-lume parou e disse à cobra: 
Posso lhe fazer três perguntas? 
– Pertenço à tua cadeia alimentar? 
– Não. 
– Eu te fiz algum mal? 
– Não. 
– Então, por que você quer acabar comigo? 
E a serpente responde: 
– Porque não suporto ver você brilhar!”
Muitas pessoas têm inveja das outras pelo “seu brilho interior”. Conheço gente que inveja a vida tranquila dos outros, por que ela não consegue ficar tranquila consigo. 
Outros têm inveja de quem tem um relacionamento amoroso maduro e seguro, por que nunca amaram de verdade ou de corpo e alma. A inveja, com certeza, irá vibrar negativamente e até tentar atrapalhar a vida das pessoas prósperas e que estão de bem com a vida.
Para se proteger destas pessoas negativas e invejosas, segue abaixo dois rituais poderosos e a oração de São Francisco contra a inveja.
Ritual 1:
Materiais:
1 ferradura
1 figa feita de madeira de guiné
1 vaso de 30 centímetros
Terra
1 muda de planta comigo ninguém pode
1 cabeça de alho roxo
1 cabeça de alho branco
Preparo: Coloque todos os materiais dentro do vaso. Em seguida jogue terra e plante a muda. Depois de tudo pronto deixe o vaso em um lugar bem visível na sua sala ou recepção. O vaso irá absorver a negatividade.
Ritual 2:

Pegue 3 dentes de alho e ande com eles na sua bolsa, aonde você for. Toque os dentes de alho uma vez a cada sete dias. Jogue em água corrente o alho usado.
Oração de São Francisco
Que os invejosos não me lancem o olho gordo em minha casa, nos meus pertences, na pessoa que amo, nos meus animais e em mim, minhas vestes, móveis, pertences e casa estejam protegidos pela bênção de Deus pela mão de São Francisco, que minha beleza e saúde, assim como de minha família estejam também protegidos pela graça de Deus, assim como eu esteja protegido da inveja, da má-lingua e intriga no trabalho por parte de meus colegas ou subordinados, amigos, família e vizinhos.
Que meus projetos e sucesso estejam imunes ao mal que me desejam e sejam mais fortes que a inveja. Que as línguas afiadas para o mal não me firam, o mal querer nunca me atinja, que o ciúme não me destrua minha vida, minha harmonia, e felicidade. Que os invejosos usem suas energias para lutarem o que desejam em vez de querer destruir o que é dos outros. 
Os que têm, seja tão humilde quanto tu São Francisco e descubram que a felicidade não se resume em ter só bens materiais, mas em saber viver com o que temos, buscando ser feliz com as pequenas coisas e os singelos momentos que vivemos de amor, compaixão, compreensão e ajuda ao outro, nosso irmão. Onde exista disputa, prevaleça à cooperação, onde exista ódio se imponha o amor e respeito, onde exista o caos nasça à harmonia.
Que as falsas amizades desapareçam e o bem-querer genuíno de amigo se aproxime de mim. Contra o mal que me possas desejar meu irmão encontro-me protegido pelo manto da fé em Deus, contra o olho gordo que me lanças, estou protegido pelo brilho lúcido do olho de luz de Deus que com os Seus raios de imenso brilho quebram teu mau-olhado dos seres das trevas. 
Tu invejoso nunca me derrubarás porque Deus meu apoio estrutura é e sempre será.

YAVITH

YAVITH
É um símbolo pleidiano muito poderoso de limpeza e proteção contra clones psíquicos e astrais, demandas e magia negra, etc.

Anjo Ramael, Arcanjo Miguel.

Proteção de lares, clínicas, local de trabalho, inveja, falsos amigos.

Amplia poder do OM SHO (vai ao umbral e combate energias mais densas).

Implantar no cardíaco e pedir às hierarquias para trabalhar a situação da pessoa (sua casa, “x” encarnações, liberar carma familiar, remover miasmas, mandingas, magias, obsessores, situações desarmônicas).
Oração de Proteção e limpeza espiritual:

Em nome de Jesus Cristo, 
eu repreendo, quebro e desligo a mim, 
a minha familia de toda e qualquer maldição, 
feitiço, vexame, sedução, magia negra, azares, 
poderes psíquicos, fascínio, bruxaria, 
que tenham sido colocados sobre mim ou minha 
linha de família, por qualquer pessoa ou pessoas, 
ou por qualquer fonte de ocultismo, e ordeno a 
todos os espíritos relacionados com satanás que 
nos deixem agora e não voltem nunca mais, 
prostrando-se aos pés da santa cruz de Jesus Cristo,
para sempre.
Obrigado, Senhor Jesus, 
Por nos ter libertado.

DEFUMAÇÕES (Olho-gordo e Inveja)

Defumação 1:

Material:

Um punhado de folhas secas de louro
Um punhado de palha e casca de alho
Uma colher de sopa de pó de café
Uma colher de sopa de açúcar

Defumação 2:

Material

Um punhado de arruda seca
Um punhado de guiné seca
Um punhado de casca e palha de alho

Misture todos os ingredientes e jogue sobre as brasas.

Defume todos os cômodos da casa, do fundo para frente.

No final, deixe queimando nos fundos de sua casa ou comercio.

http://despertardegaia.blogspot.com/

DEFUMAÇÃO CONTRA: Inveja, "olho-gordo" e Perseguição Espiritual

Um punhado de palha e casca de alho
Um punhado de arruda seca
Um punhado de folhas de louro seca
Um punhado de alecrim seco
Um punhado de guiné seca
Um punhado de alfazema seca
Um punhado de alho desidratado
Misture todos os ingredientes e coloque aos poucos sobre o braseiro.
Defume bem todo o ambiente dos fundos para frente.

Deixe queimar até o fim nos fundos da residência ou do comércio.

http://despertardegaia.blogspot.com/

BANHO CONTRA INVEJA

Em três litros de água fervendo (já fora do fogo), ponha as ervas abre-caminhos, guiné e alecrim, e adicione sete pedrinhas de sal grosso, abafe.
Deixe em infusão por quinze minutos.

Tome seu banho normalmente e quando terminar jogue essa mistura do pescoço para baixo, rezando uma oração de sua preferência.

Não se enxágüe.

Junte as folhas das ervas e jogue no mato ou num jardim.
Caso conviva com alguém que sinta ter inveja de você, faça este banho a cada quinze dias, até sentir que a pessoa se rendeu.

http://despertardegaia.blogspot.com/