AS ENERGIAS PLANETÁRIAS DE SETEMBRO DE 2016 – Por Natalia Alba

Por Natalia Alba
29 de agosto de 2016
Meus amados,
Nesta intensa etapa de nossa jornada, como almas ascendentes, nos encontramos atravessando um limiar cósmico, em que, estar em comunhão profunda com a nossa alma, é essencial para visualizar de modo claro e decidir que linha do tempo pessoal vamos manifestar, durante o próximo ano. 
Setembro, e o restante dos meses do ano, vão ser decisivos em dissipar as velhas camadas de nosso eu inferior (personalidade tridimensional programada e adquirida), em interromper a repetição dos velhos ciclos – que não estão alinhados com quem nos tornamos e nos prepararmos para 2017 – o ano em que o Planeta Terra finalmente vai bifurcar-se da Terra de terceira dimensão.
É por isso – neste momento de transição – que continuamos a escolher uma forma de vida mais elevada, porque somente por ser e permanecer centrados em nosso Presença Iluminada, que podemos ajudar aqueles que estão optando por uma frequência inferior, bem como aqueles que estão finalmente cruzando os véus da ilusão, para acessar uma Nova Era de amor e de vida consciente.
Este novo mês chega com a confirmação, do início até o fim, da conclusão de um velho ciclo, enquanto moldamos um novo caminho livre dos antigos paradigmas e das crenças limitadas. 
Resultado de imagem para numerologia 9Como um lembrete, setembro detém uma frequência universal 9. O número 9 nos convida a liberar tudo o que não estiver servindo aos nossos propósitos mais elevados, até que nos esvaziemos, até que criemos o espaço interno para deixar fluir o Novo que entra.
Esse número, assim como as poderosas frequências deste mês, oferece-nos a oportunidade de entrar na próxima etapa e no próximo ano, que vai ser um ano número 10, reduzido para 1, ao ser renovado, visto que o ano vindouro vai ser para se colocar em prática tudo o que aprendemos durante este ano de automestria, embora isso nunca termine, ajudou a nos lembrar de nossa capacidade de manifestar – como criadores divinos – nesta nova realidade que estamos tão ávidos para manifestar.
Como o Universo sempre age em perfeita sincronização com o Todo – o número 9 é também representado no tarô pelo Eremita – que juntamente a Mercúrio retrógrado está lançando a mensagem para se ser sábio, interiorizar-se e, como o Eremita, é essencial escutar a nossa centelha divina, antes de dar à luz a esse novo ciclo em que estamos prestes a entrar.
Vocês olham internamente para perceber o que não está mais servindo ao seu caminho? Vocês transmutaram toda a dor no amor que vocês são? 
Liberar não é fácil, visto que o nosso eu egoico humano deseja permanecer no que é familiar, e é somente por meio da neutralidade e da compaixão dirigidas a nós mesmos que conseguimos liberar toda essa velha programação e acolher tudo o que está destinado a tocar nossas vidas.
Em um nível cósmico, começamos este mês com um poderoso eclipse solar anular de Lua Nova, a 9 graus de Virgem. Um eclipse solar anular ocorre quando a Lua cobre apenas o centro do Sol, deixando as bordas visíveis, e formando o que se chama de “anel de fogo”. 
Resultado de imagem para eclipses solaresOs eclipses solares dizem respeito a novos inícios, mas quando vemos por trás dessas definições e sentimos as forças que nos envolvem e que cocriam conosco, compreendemos que estamos entre eclipses – destruindo velhos mundos, enquanto prosseguimos decidindo quais vamos perseguir, que estarão alinhados verdadeiramente com o nosso caminho anímico.
Durante o eclipse solar, teremos uma quadratura em T entre Marte e Saturno, e alguns dias mais tarde, no dia 10 de setembro, a terceira quadratura entre Saturno e Netuno. 
Essas poderosas quadraturas estão nos ajudando a lembrar de que, mesmo que estejamos ávidos para ver novos inícios e manifestações, agora não é o momento de agir, como Mercúrio retrógrado também nos faz recordar, mas recuar, e em vez de saltar à frente, permanecer totalmente no momento presente, visto que é aqui onde a paz reside, onde vocês existem, e é somente neste momento que vocês são livres e capazes de criar, em seguida, o que desejar.
Quando acolhemos o momento, não temos mais a necessidade de manter as velhas frequências, situações e experiências, visto que compreendemos que são apenas ilusões que ocorrem em nossas mentes humanas. 
Por isso, permitimos que a cura ocorra e lembramos de nos curar – os fios invisíveis que nos conectam ao Todo da Criação fazem com que curem igualmente.
Nesse momento entre eclipses, diferentes forças colidem internamente, oscilando entre diferentes mundos com frequências opostas, e navegando entre diferentes linhas do tempo do que está realmente acontecendo. 
Portanto, é muito importante que permaneçamos conscientes a cada momento daquilo que estamos criando/atraindo para a nossa experiência de vida, e no que estamos colocando a nossa intenção, porque as frequências que recebemos, neste momento, vão nos acompanhar durante o resto do ano e durante esta etapa, em que as dimensões e realidades alternativas não estão ainda infundidas com suficiente intenção para se manifestar. 

É fundamental tomar tempo para criar conscientemente aquilo que for beneficiar ao Todo, antes de acessar o desconhecido pela nossa tendência humana de ser impulsivos.

Resultado de imagem para jupiterEm 9 de setembro, Júpiter, o planeta da expansão, finalmente muda para o signo de Libra. Júpiter em Libra, que se refere ao equilíbrio interno, em nossas vidas externas e nos relacionamentos, nos convida a criar equilíbrio em nossos relacionamentos, sendo que o primeiro e o mais importante é com nós mesmos. 
Libra é o sexto signo do zodíaco. O número 6 se refere ao equilíbrio e o amor e como nos relacionamos com os demais. Se começamos o zodíaco com Áries, que diz respeito a concentrar-se no eu, enquanto continuamos progredindo através dos próximos signos, descobrimos que no fim – com Peixes – eles nos levam a experimentar a unificação do eu para o Todo.
Júpiter em Libra nos convida a nos perguntar: Estou tendo interações/relacionamentos conscientes, baseados na autenticidade e na igualdade? 
Ou estou ainda apegado a alguém ou a alguma coisa devido ao meu medo da perda e da solidão, repetindo as mesmas antigas circunstâncias que criam dependência? 
Essa é uma dádiva para que vocês reconheçam se verdadeiramente se amam e estão prontos para manter relacionamentos conscientes e iluminados ou se ainda têm algum trabalho interior para fazer em relação a si mesmos e de como se relacionam com as outras pessoas.
Resultado de imagem para saturno netunoEm 10 de setembro, vamos nos defrontar com a terceira quadratura Saturno/Netuno. 

Esse alinhamento cósmico vem reinando em nossos céus desde 2015, impelindo-nos a que nos libertemos das antigas estruturas, e nos ajudando a tornar tangíveis as visões da nossa alma. 
Mas, acima de tudo, essa frequência liberadora está ajudando todas as novas almas, que estão despertando e escolhendo acessar agora um caminho de integração e de unidade da alma – liberando-se da matriz para começar a trilhar um caminho consciente.
Todavia, a mensagem desse alinhamento cósmico não é apenas de dissolução e de libertação dos antigos padrões, mas também de tornar tangível aquilo que somente podemos imaginar nas profundezas da nossa alma, visto que estamos aqui como mestres do plano físico e, portanto, não se trata somente de ascender mas de fazer descer o que está no invisível para o nosso plano terreno.

Resultado de imagem para eclipse lunarO segundo eclipse lunar de penumbra da Lua Cheia, a 24 graus de Peixes, em 16 de setembro, vai nos ajudar a continuar liberando, à medida que transcendemos mais das velhas experiências ilusórias e ancoramos aquelas que são Um com a nossa Vontade Suprema. 
Peixes é o último signo do zodíaco.

Quando alcançamos essa fase, é porque dominamos e unificamos o eu inferior com o nosso Eu Superior, e mesmo que ainda estejamos vivendo como um aspecto individualizado de quem realmente somos, nos sentimos conectados ao Todo, enquanto resgatamos as memórias anímicas, que certa vez foram ocultas profundamente em nós e que agora estamos prontos para liberá-las, concluindo um antigo ciclo ilusório de falta de amor e de escravidão, nos lembrando e nos comportando novamente como verdadeiramente somos, em essência – seres de amor e luz que criam dentro do Amor Divino e que beneficiam ao Todo.

Resultado de imagem para planeta mercurio realMercúrio, finalmente fica direto em 22 de setembro. 

Conforme vocês sabem, nada jamais é retrógado, isso é apenas uma ilusão vista da Terra, não existe nada em câmara lenta neste Universo luminoso e rápido, há apenas momentos para serem vividos a partir de dentro, para emergir novamente sob uma nova forma, com uma nova direção a seguir. 
Quando tivemos o mensageiro alado retrógrado, fomos convidados a nos interiorizarmos e obter mais clareza de modo que pudéssemos estar plenamente cônscios daquilo que estamos dando forma interiormente. 
Comungamos com o nosso aspecto superior, percebendo que estávamos contraídos em vez de expandidos. E agora, que Mercúrio está direto novamente, desde a nossa perspectiva, estamos prontos para nos erguer novamente, ao sermos renovados e por mantermos uma perspectiva mais ampla de nossa experiência de vida.
Resultado de imagem para saturno libraEm 23 de setembro, temos Saturno entrando no signo de Libra, junto ao equinócio. 

Ambos os eventos são Um, visto que ambos estão nos enviando a mesma mensagem de unificação e equilíbrio, resgatados pelo processo apropriado da alquimia interna que vimos trabalhando por um tempo. 
A passagem do equinócio trará unificação, tanto dos nossos aspectos sombrios quanto dos luminosos, e vamos nos lembrar, novamente, de que é devido a ambas as forças que somos inteiros, e que é apenas nosso eu humano que cria a divisão e os julgamentos falsos. Enquanto para o divino tudo é um e igual.
É essencial, à medida que continuamos na bifurcação da Terra de terceira dimensão, dominar a arte de não polarizar, visto que para onde vamos não há bom nem mau, apenas coisas e seres como eles são. 
A onda do equinócio será fortemente sentida, visto que temos também o Sol muito ativo, ajudando-nos a continuar a nos purificar de mais do velho, enquanto nos lembramos de que a harmonização de nossas vidas pode apenas ser feita quando criamos internamente, e isso é algo que ninguém ou eventos externos/energias podem fazer por nós.

Resultado de imagem para plutão planeta anãoOutro importante evento cósmico no fim do mês, é Plutão, o planeta do poder, em movimento direto em 26 de setembro. 
Enquanto Plutão esteve retrógrado, principalmente com Mercúrio também, vimos a verdade, enquanto habitávamos nas profundezas da nossa alma, assumimos a responsabilidade por nossas criações – nos mudando, transformando e regenerando, a partir de dentro, tudo o que não ressoava mais com quem estamos agora nos transformando. 
Agora que Plutão está em movimento direto outra vez, direcionamos todo esse poder e conhecimento para transformar todo o velho em nossas vidas físicas também. Plutão nos dá a dádiva de sermos os transformadores de nossas vidas. 
É recriar constantemente a realidade, visto que estamos também fazendo assim internamente, mesmo que se possua uma sensação de quietude. É uma oportunidade para continuarmos destruindo os velhos mundos e começarmos a trazer à forma novos, baseados na liberdade e no regozijo que seguem os verdadeiros desejos de nossa alma.
Finalmente, terminamos o mês com uma generosa e reconfortante Lua Nova a 8 graus de Libra, uma bênção para os nossos relacionamentos, e ainda mais junto a Júpiter em Libra, também, visto que as nossas interações com os outros nos ajudam a descobrir importantes aspectos nossos, de que podemos não estar conscientes por caminhar “sozinhos” nesta jornada. 
A Lua Cheia de Libra vai ajudar a nos tornar menos autocentrados, vendo o Todo, principalmente em nossos relacionamentos, em que vamos ser desafiados a nos perguntar o que estamos retendo em nossa vida, por medo, e o que estamos liberando com amor e gratidão – começando a receber os novos companheiros que são destinados a compartilhar este caminho conosco neste momento.
Setembro traz a dádiva cósmica a fim de que avancemos para além de todo o sentido de linearidade – através do tempo, através do espaço – navegando entre as linhas do tempo com o fim de acessar a maré enorme deste Universo consciente, para finalmente concluir um velho ciclo e começar a nos comportar como cocriadores que somos, na essência, mergulhando profundamente em um múltiplo Universo de infinitas possibilidades.
Todas as manifestações que desejamos ver já estão aqui. Elas todas jazem internamente, e isso é o que este mês nos faz recordar – visitar as profundezas de nosso ser, se realmente desejamos ver, de modo claro, o que é e começar a ancorar essas visões internas em nosso domínio físico. 
Todo o Universo está nos ajudando a produzir nossas criações interiores, porque somos amados e apreciados imensuravelmente. Apenas escolhemos acessar este novo e desconhecido caminho com completa fé e rendição de que tudo está – e sempre estará – trabalhando a nosso favor.
Desejo a todos vocês um setembro maravilhoso, repleto de abundância, alegria e amor infinitos. As bênçãos abundantes que vocês já são e que permanecem sempre em seu interior.

Com amor e luz, sempre.

Natalia Alba
Resultado de imagem para Natalia Alba
Tradução de Ivete Brito – adavai@me.com 

UMA NOTA SOBRE A MUDANÇA ENERGÉTICA ATUAL NA TERRA


Texto de Natalia Alba
À medida que continuamos a liberar as camadas de dimensão inferior do self, alguns de vocês vão começar a sentir as “sombras” internas, vindo à superfície, visto que esta Nova Luz traz a purificação para todos os níveis de nosso ser, e a fim de unificar e curar, também devemos acolher nossa outra polaridade como sendo igual. 

Lembrem-se de que estamos aqui para, em primeiro lugar, unificar ambas, não julgá-las. É crucial que vocês se tratem com amor incondicional, quando constatarem que estão repetindo antigos padrões.

Apenas observem, e à medida que se tornam a testemunha eterna, vão se lembrar de como liberar tudo o que não for o seu autêntico Self soberano divino.

Quanto mais escolhermos estar em comunhão com a nossa Alma/Ser Unificado e seguir sua vontade divina, mais vamos descobrir como o velho e as nossas memórias passadas não afetam mais a nossa atual realidade, visto que sabemos que isso não é quem nos tornamos, e que agora somos uma pessoa diferente.

Escolhendo uma linha do tempo diferente para nela navegar.

Isso também é representado pelo grande trígono de água com que vamos nos defrontar na Lua Cheia de Capricórnio, em 19 de julho, cujo principal objetivo é nos ajudar, com as suas energias regenerativas, a curar e unificar as nossas camadas inferiores, que nos fazem cair na culpa e na falta de respeito e compaixão em relação a nós mesmos e aos outros, quando curamos nossas memórias passadas, sempre codificamos as células de nosso corpo, se não as liberarmos.

Lembrem-se, meus amados, conforme continuamente optamos por incorporar as essências superiores de nosso Self Verdadeiro, cada vez mais deixaremos de julgar nossas experiências passadas, visto que vamos vê-las como necessárias para sermos os seres soberanos em que estamos nos transformando agora.

Poderíamos não ter aprendido nada, poderíamos nunca ter alcançado este estado de ser, sem todos esses desafios e dádivas divinas, por que passamos, e que foram oferecidos por meio de diversas experiências passadas.

Todas as almas que tocaram as nossas vidas no tempo perfeito, todas as situações que o nosso ego humano julgou como “negativas” foram bênçãos divinas – disfarçadas – para estarmos onde estamos agora.

Portanto, neste momento turbulento, quando tudo parece deteriorar-se, dentro de cada um, ou se vocês veem isso no coletivo, é quando vocês têm que se lembrar, principalmente, de que tudo está dando à luz a uma nova realidade/linha do tempo/dimensão, onde a “morte” de nossos eus de dimensão inferior – visto que os escolhemos livremente – é necessária para que possamos avançar e nos transformar em seres crísticos/cristalinos que somos na verdade.
No coletivo, estamos também observando como as pessoas estão despertando e escolhendo entrar em uma nova linha do tempo. 

Não é absolutamente coincidência que Urano, bem como as quadraturas de Saturno/Netuno, que estão desempenhando um papel importante durante todo este ano, estejam funcionando como catalisadores para todas as mudanças que ocorrem.

Visto que estão representando o rompimento de um antigo paradigma e o surgimento de um novo, com base na integridade e devoção ao Todo, com amor e respeito divinos.

À medida que todos nós continuamos escolhendo nos afastar da própria linha do tempo, e como coletivo o fazemos bem, podemos ver diferentes opções de qual realidade poderíamos gostar de manifestar finalmente.

Conforme prosseguimos fazendo descer os aspectos mais elevados de nossa alma, finalmente vamos obter mais clareza acerca daquilo que ressoa melhor com o lugar em que estamos e com o lugar em que o papel da nossa alma é necessário.

Para os outros, que ainda estão no processo de cura, isso pode tomar mais tempo e podem achar mais difícil construir conscientemente as próprias linha do tempo. 

Sejam pacientes consigo mesmos, concentrem-se em seu desejo/intenção mais puro de onde vocês realmente desejam estar na próxima etapa da sua jornada, confiem e reconheçam que toda dor deve ser acolhida, aceita e compreendida pelo que é – uma ilusão humana de separação – baseada na crença limitada de que algo ou alguém nos pertence e a subsequente sensação de abandono, quando eles partem, assim como a falsa crença de que eles nos feriram, quando, na verdade, ninguém nunca fez nada conosco, mas nos ajudou a lembrar-nos de nossa dor original, oriunda da separação da Fonte e do seu infinito amor.

Para algumas Sementes Estelares, cujo papel principal é estabilizar e atuar como Âncoras da Nova Terra, compartilho a minha experiência, caso contrário eu não poderia falar sobre o que eu não vivencio – ser totalmente compassivos consigo mesmos, quando estabilizamos, quer em nosso estado de sonho, quer durante o dia, não é fácil ajudar o coletivo a avançar para uma nova linha do tempo, sem ser capturado pela sua densidade.
Ao ajudar a purificar e alterar as camadas tridimensionais inferiores da Terra, lembrem-se de que Gaia é um organismo em si, também, não é fácil, conforme tendemos a lidar com outras entidades, cujo propósito não é exatamente nos permitir passar para uma Oitava Superior.

Consequentemente, o trabalho interno e a purificação diários são essenciais, enquanto também temos os nossos desafios e jornada pessoal, e pode ser mais difícil lidar com tudo isso.

Concentrem-se em seu papel exclusivo, quando tudo parece desvanecer-se, concentrem-se em sua Luz interior que os ajudará a lembrar-se de reivindicar a sua soberania e permanecer sempre na presença luminescente da sua Alma, que é o que vai mantê-los centrados em seu coração em vez de em todas as ilusões e abusos dessas dimensões/entidades inferiores.

Não participamos mais disso, simplesmente deixamos brilhar a nossa Luz/Presença, quando necessário, e deixamos que o ruído externo e as distrações desapareçam, enquanto continuamos optando por brilhar.

Com amor e luz, sempre,

Natalia Alba
Direitos Autorais:

FASES DA LUA 2016


Fases da Lua 2016

Fase da Lua
Data
Hora
último quarto
2 janeiro 2016

03:31:40
Lua nova 9 janeiro 2016 23:31:16
Primeiro quarto 16 janeiro 2016 21:27:28
Lua cheia 23 janeiro 2016 23:46:20
último quarto 1 fevereiro 2016 01:29:05
Lua nova 8 fevereiro 2016 12:40:00
Primeiro quarto 15 fevereiro 2016 05:47:51
Lua cheia 22 fevereiro 2016 15:20:33
último quarto 1 março 2016 20:12:38
Lua nova 8 março 2016 22:55:59
Primeiro quarto 15 março 2016 14:04:23
Lua cheia 23 março 2016 09:01:38
último quarto 31 março 2016 12:18:41
Lua nova 7 abril 2016 08:25:20
Primeiro quarto 14 abril 2016 01:00:44
Lua cheia 22 abril 2016 02:25:00
último quarto 30 abril 2016 00:30:07
Lua nova 6 maio 2016 16:31:18
Primeiro quarto 13 maio 2016 14:03:19
Lua cheia 21 maio 2016 18:16:37
último quarto 29 maio 2016 09:13:41
Lua nova 5 junho 2016 00:01:45
Primeiro quarto 12 junho 2016 05:10:39
Lua cheia 20 junho 2016 08:04:58
último quarto 27 junho 2016 15:20:59
Lua nova 4 julho 2016 08:03:23
Primeiro quarto 11 julho 2016 21:52:41
Lua cheia 19 julho 2016 19:59:36
último quarto 26 julho 2016 20:02:35
Lua nova 2 agosto 2016 17:46:40
Primeiro quarto 10 agosto 2016 15:22:16
Lua cheia 18 agosto 2016 06:29:45
último quarto 25 agosto 2016 00:44:07
Lua nova 1 setembro 2016 06:04:59
Primeiro quarto 9 setembro 2016 08:50:58
Lua cheia 16 setembro 2016 16:07:49
último quarto 23 setembro 2016 06:59:09
Lua nova 30 setembro 2016 21:13:14
Primeiro quarto 9 outubro 2016 01:35:14
Lua cheia 16 outubro 2016 02:25:07
último quarto 22 outubro 2016 17:16:14
Lua nova 30 outubro 2016 15:39:53
Primeiro quarto 7 novembro 2016 17:52:48
Lua cheia 14 novembro 2016 11:53:38
último quarto 21 novembro 2016 06:34:58
Lua nova 29 novembro 2016 10:19:35
Primeiro quarto 7 dezembro 2016 07:03:58
Lua cheia 13 dezembro 2016 22:06:55
último quarto 20 dezembro 2016 23:56:45
Lua nova 29 dezembro 2016 04:54:18

FASES DA LUA 2015


Fases da Lua Mês Janeiro

5 de Janeiro de 2015: Lua Cheia
13 de Janeiro de 2015: Lua Minguante
20 de Janeiro de 2015: Lua Nova
27 de Janeiro de 2015: Lua Crescente

Fases da Lua Mês Fevereiro

3 de Fevereiro de 2015: Lua Cheia
12 de Fevereiro de 2015: Lua Minguante
18 de Fevereiro de 2015: Lua Nova
25 de Fevereiro de 2015: Lua Crescente

Fases da Lua Mês Março

5 de Março de 2015: Lua Cheia
13 de Março de 2015: Lua Minguante
20 de Março de 2015: Lua Nova
27 de Março de 2015: Lua Crescente

Fases da Lua Mês Abril

4 de Abril de 2015: Lua Cheia
12 de Abril de 2015: Lua Minguante
18 de Abril de 2015: Lua Nova
25 de Abril de 2015: Lua Crescente

Fases da Lua Mês Maio

4 de Maio de 2015: Lua Cheia
11 de Maio de 2015: Lua Minguante
18 de Maio de 2015: Lua Nova
25 de Maio de 2015: Lua Crescente

Fases da Lua Mês Junho

2 de Junho de 2015: Lua Cheia
9 de Junho de 2015: Lua Minguante
16 de Junho de 2015: Lua Nova
24 de Junho de 2015: Lua Crescente

Fases da Lua Mês Julho

2 de Julho de 2015: Lua Cheia
8 de Julho de 2015: Lua Minguante
16 de Julho de 2015: Lua Nova
24 de Julho de 2015: Lua Crescente
31 de Julho de 2015: Lua Cheia

Fases da Lua Mês Agosto

7 de Agosto de 2015: Lua Minguante
14 de Agosto de 2015: Lua Nova
22 de Agosto de 2015: Lua Crescente
29 de Agosto de 2015: Lua Cheia

Fases da Lua Mês Setembro

5 de Setembro de 2015: Lua Minguante
13 de Setembro de 2015: Lua Nova
21 de Setembro de 2015: Lua Crescente
28 de Setembro de 2015: Lua Cheia

Fases da Lua Mês Outubro

4 de Outubro de 2015: Lua Minguante
12 de Outubro de 2015: Lua Nova
20 de Outubro de 2015: Lua Crescente
27 de Outubro de 2015: Lua Cheia

Fases da Lua Mês Novembro

3 de Novembro de 2015: Lua Minguante
11 de Novembro de 2015: Lua Nova
19 de Novembro de 2015: Lua Crescente
25 de Novembro de 2015: Lua Cheia

Fases da Lua Mês Dezembro

3 de Dezembro de 2015: Lua Minguante
11 de Dezembro de 2015: Lua Nova
18 de Dezembro de 2015: Lua Crescente
25 de Dezembro de 2015: Lua Cheia

LEI DA ATRAÇÃO DO AMOR


Porquê você não está com a sua Alma Gêmea?
Essa é uma pergunta que muito se escuta…
São muitas as possíveis razões pelas quais você ainda não se reencontrou com seu verdadeiro amor. Antes que você possa se conectar com seu verdadeiro amor, você deve primeiro identificar e deixar de lado qualquer crença, qualquer magoa do passado que pode sabotar os seus esforços. 
A lei da atração na relação entre pessoas é a Lei da Afinidade: Às vezes, a pessoa que nos está destinada está muito próxima de nós, mas não estamos na mesma sintonia, naquele momento. 
Quanto maior a afinidade de gostos entre os amigos, maior a harmonia e a consistência da amizade. 
Falta de confiança e amor-próprio 
Uma pessoa que não se ama não está preparada para atrair a pessoa certa no amor e, quando atrai alguém, certamente será a pessoa errada e futuramente verá o erro que cometeu. Muitos querem encontrar a sua verdadeira Alma Gêmea, mas como, se não existe o principal dentro dela? Então, os desencontros nos tornam amargos, sem esperança e em muitas oportunidades, nos apegamos a primeira pessoa que aparece, na carência, nos iludindo e nos machucando mais uma vez. A carência e a mágoa fazem com que nos iludamos…
MEDO – Principalmente o medo de ficar só, o medo de não se casar. O medo é inimigo do amor e o oposto do amor. Ele te impede de amar e corta o fluxo de energia, desvia da sua mente o objetivo real. O medo tem muitas sutilezas. Aprenda a trabalhar estes medos e permita que seu coração decida onde o amor deve fluir.
KARMA – Todos nós, na nossa atual existência, estamos recolhendo aquilo que semeamos nas nossas vidas passadas e, ao mesmo tempo, estamos semeando aquilo que recolheremos na nossa próxima existência. Quando uma pessoa semeia desgraças, provocando dano aos demais, na realidade isso mesmo virá a recolher. Essa é a lei do Karma.
Capacidade de amar – Amar é romper barreiras que nos separam de outras pessoas, é encarar a individualidade da pessoa amada como tão importante quanto a nossa própria, e encarar os sentimentos e desejos como se fossem realmente nossos. O amor é um nascer constante, é renovação do que sentimos, é colocar para fora um sentimento que muitas vezes tendemos a esconder, Precisamos nos amar muito, cuidar da auto-estima para que possamos nos conectar com a alma gêmea
Paciência – É definitivamente importante para chamar o amor. É mesmo uma virtude: é a capacidade de aceitarmos que nem tudo pode ser da forma como desejamos ou gostaríamos que acontecesse; é a capacidade de suportarmos determinadas situações ruins esperando/buscando o melhor depois. É também a capacidade de entender que todas as pessoas são diferentes entre si e que nem sempre elas nos entendem, desejam ou agem da forma como queríamos que elas agissem! Nós nos esquecemos de como esperar.
APRENDA ISTO E TERA UM TESOURO DENTRO DE TI. 
Tudo tem o momento certo e a natureza sabe disto, e você precisa aprender.
Como você pode ver a partir desta lista, a única coisa que faz você parar de conectar-se com o seu amado é VOCÊ.
Quanto mais depressa você fizer o seu trabalho interior e desenvolver as qualidades que você quer na sua alma gêmea, mais cedo você ira se conectar… O amor vem quando menos espera e quando nós estamos emocionalmente preparados para ele. 
Embora você possa encontrar sua alma gêmea antes de estar completamente pronta, as chances de que os dois irão se unir neste momento são pequenas.

Dai alguns casos de pessoas que se reencontram tempos depois. Confiar no seu coração, ter fé, intuir, se amar, projetar no astral o que deseja, ter paciência fará com que você se conecte com seu verdadeiro amor.

Receita de banho para atrair a energia do amor para sua vida
3 litros de água
1 colher de chá açúcar cristal
1 colher de leite
1 taça de vinho tinto
7 cravos da índia
7 pitadas de canela em pó ou 7 gotas de essência de canela
7 gotas de essência de flor de laranjeira
7 gotas de essência de patchouli
7 gotas de essência de alfazema
7 pétalas de rosa vermelha
7 pétalas de rosa cor de rosa
Ferva a água numa panela de vidro ou ágata e coloque todos os ingredientes, menos as pétalas das rosas.
Apos ter adicionado os ingredientes a água fervida, desligue o fogo, coloque as pétalas, e tampe a panela.
Tome seu banho de chuveiro normalmente, acendendo uma vela rosa, e um incenso de rosa vermelha, para as deusas do amor  e depois jogue o banho da cabeça aos pés. Recolha os resíduos do banho e coloque num vaso de planta dentro de sua casa. Este banho deve ser feito no mínimo por 3 luas cheias , mas devera ser feito no 1 dia da lua cheia .